Teresina recebe nomes nacionais e internacionais para congresso de Urologia

Teresina recebe nomes nacionais e internacionais para congresso de Urologia

O evento acontece de 07 a 09 de junho e vai discutir os temas mais atuais com relação à Urologia e saúde masculina

A Sociedade Brasileira de Urologia, secção Piauí, vai promover o debate dos temas mais atuais e instigantes daUrologia durante o X Congresso Norte Nordeste de Urologia, que acontece no Blue Tree Towers Rio Poty, de 7 a 9 de junho próximos. O destaque do evento será o alto nível das discussões e dos participantes, incluindo um convidado internacional, Clement Claude Abbou, que é professor e chefe do departamento de Urologia do Centre Hospitalier Universitaire Henri Mondor, que fica em Créteil, na França.

Durante o primeiro dia do evento, 07 de junho, haverá a programação científica preliminar. De 08 ao meio dia, acontecem os tutoriais de Uro-Pediatria. À tarde, entre 14h e 18h, os tutoriais são sobre Urologia Feminina. Durante todo o dia, paralelamente, acontece ainda o Simpósio de Uro-Oncologia. Neste mesmo dia, os participantes também terão acesso ao Fórum de entidades médicas (de 08 às 09); a aulas de capacitação para equipes de ESF. A conferência magna de abertura oficial do evento será às 20h do dia 07, feita pelo professor Miguel Srougi, de São Paulo.

Durante o segundo dia de evento, começam as discussões propriamente ditas. Os destaques vão para alguns temas como o diagnóstico e estadiamento do câncer de próstata, um dos que ainda mais matam no Brasil e que dependem de um diagnóstico precoce para ter um bom prognóstico. Também serão temas de debate durante todo o dia as formas mais atuais de diagnóstico e tratamento desse tipo de câncer. Os médicos e participantes discutirão particularmente se a cirurgia radical da próstata (onde todo o órgão é retirado) é a melhor alternativa em tumores localizados.

De acordo com o urologista piauiense Giuliano Aita, que é o presidente do Congresso, os métodos minimante invasivos também serão temas de debate durante o evento, assim como outras formas de tratar o câncer que não sejam necessariamente por uma cirurgia mais radical. Um destaque vai também para as cirurgias robóticas, que têm sido implementada nos últimos anos. ?Neste evento, estaremos com os melhores professores e médicos da região discutindo as informações mais recentes que podem trazer uma melhor qualidade de vida para esses pacientes, além de muitos outros temas científicos?, comenta o médico.

Além do câncer de próstata, outro problema urológico bastante comum também terá destaque no evento, que é a incontinência urinária. Durante toda a tarde do dia 08 essa temática será trabalhada. A vacinação contra o HPV em meninos é outro ponto forte de debate, segundo Giuliano. Segundo ele, o tema ainda é controverso nos consultórios urológicos.

Veja abaixo a programação geral do evento (VEJA EM NEGRITO ALGUMAS SUGESTÕES DE TEMAS CURIOSOS E ATUAIS PARA MATÉRIAS E/OU ENTREVISTAS):

Programação Científica Preliminar

7 de junho ? Quinta-feira

08:00 ? 12:00 Tutoriais de Uro-Pediatria

14:00 ? 18:00 Tutoriais Urologia Feminina

08:00 ? 18:00 Simpósio de Uro-Oncologia

08:00 ? 09:00 Fórum de entidades médicas

09:00 ? 12:00 Aulas de capacitação para equipes de ESF

20:00 Conferência Magna e Abertura Oficial do Congresso

Prof. Miguel Srougi (SP)

8 de junho ? Sexta-feira

08:00 ? 08:20 Abertura e Composição da Mesa

08:20 ? 10:10 Câncer de Próstata ? Diagnóstico e Estadiamento

08:20 ? 08:40 Ponto x contraponto: Screening em câncer de próstata vale a pena?

08:10 ? 08:20 Sim

08:20 ? 08:30 Não

08:30 ? 08:40 Estadiamento do câncer de próstata

08:40 ? 08:50 Qual o papel da ressonância magnética e do PET CT?

08:50 ? 09:00 Linfadenectomia estendida. Necessária?

09:00 ? 09:20 Câncer de próstata: novos marcadores tumorais.

Ponto X contra-ponto: A prostatectomia radical retropúbica continua sendo o padrão para o tratamento cirúrgico do câncer de próstata localizado?

09:20 ? 09:30 Sim

09:30 ? 09:40 Não

09:40 ? 09:45 Réplica

09:45 ? 09:50 Tréplica

Programação Científica Preliminar ? Congresso Norte-Nordeste 2012

09:50 ? 10:00 Conferência: Prostatectomia radical robótica. Um caminho sem volta?

10:10 ? 10:30 Intervalo

10:30 ? 10:45 Prostatectomia radical robótica. Viável no Brasil?

Outras opções para o tratamento do câncer de próstata localizado

10:45 ? 11:00 Radioterapia Conformacional X Braquiterapia

11:00 ? 11:15 HIFU

11:15 ? 11:30 Conferência: Nefrectomia parcial laparoscópica.

11:30 ? 12:30 Mesa redonda - Tumor de bexiga

? Marcadores tumorais. O que há de novo? 8?

? BCG e QT intravesical 8?

? Cistectomia precoce nos tumores T1 de alto grau 8?

? QT neo e adjuvante 8?

? Derivações urinárias 8?

? Discussão de casos 10?

12:20 ? 12:40 Adrenalectomia videolaparoscópica. Dicas e truques

12:40 ? 14:00 Simpósio Satélite

13:40 ? 14:00 Intervalo

Incontinência urinária de esforço

14:00 ? 14:10 Como diagnosticar IUE mista/oculta?

14:10 ? 14:20 Quando indicar os slings sintéticos? Qual a melhor via?

14:20 ? 14:30 Complicações da cirurgia de IUE.

14:30 ? 14:40 O que fazer quando os slings falham?

14:40 ? 15:00 Tratamento em conjunto dos prolapsos pélvicos. Até onde o urologista deve ir?

15:00 ? 15:20 Bexiga hiperativa

15:20 ? 15:30 Como escolher a medicação adequada para cada paciente?

15:30 ? 15:40 O que fazer quando os anticolinérgicos falham?

15:40 ? 16:00 Intervalo

16:00 ? 16:30 Ponto X contraponto: Incontinência urinária pós-prostatectomia, como tratar?

Esfíncter artificial 8?

Sling masculinos / constritor periuretral 8?

Réplica

Tréplica

Urologia de consultório

16:30 ? 16:35 Microlitíase testicular

16:35 ? 16:40 Interpretação atual de espermograma/ até onde o urologista deve ir?

16:40 ? 16:45 Vacinação de HPV para meninos. Existe indicação?

16:45 ? 16:50 Orquialgia crônica. Como eu trato

16:50 ? 16:55 Parceira com HPV, paciente sem lesão. Como eu conduzo?

16:55 ? 17:00 LUTS por HBP e hiperatividade. Como devo tratar?

Uropediatria

17:00 ? 17:30 Mesa Redonda - ITU / DTUI / RVU

17:00 ? 17:05 Atualização no tratamento da ITU na infância

17:05 ? 17:10 DTUI, Como diagnosticar?

17:10 ? 17:15 Atualização no tratamento da DTUI

17:15 ? 17:20 Qual a intervenção de escolha para o RVU

17:20 ? 17:25 Tratamento endoscópico

17:25 ? 17:30 Cirurgia convencional

Uropediatria de Consultório

17:30 ? 17:37 Varicocele na infância/adolescência - como conduzir

17:37 ? 17:45 Fimose - tratamento tópico x postectomia

17:45 ? 17:52 Criptorquidia - Algoritmo de tratamento

17:52 ? 18:00 Enurese Noturna - qual o melhor tratamento?

14:00 ? 16:00 Sala paralela com vídeos e pôsteres comentados

9 de junho ? Sábado

08:00 ? 08:40 Mesa redonda: Tumor de testículo

08:00 ? 08:05 O PET CT é realmente útil?

08:08 ? 08:10 Papel da QT

08:10 ? 08:15 Papel da RT

08:15 ? 08:20 Indicações de linfadenectomia

08:20 ? 08:25 Linfadenectomia laparoscópica. Para quem?

08:25 ? 08:30 Orquiectomia parcial: mito ou verdade?

08:30 ? 08:40 Discussão de casos

08:40 ? 09:00 Conferência: O Câncer de pênis no Brasil. Estado atual

09:00 ? 09:10 Câncer de pênis e HPV. Mito ou verdade?

09:10 ? 09:30 Conferência: Podemos erradicar o câncer de pênis no Brasil?

Endourologia/Litíase

09:30 ? 09:35 Cálculo de ureter proximal - como eu trato?

09:35 ? 09:40 LECO

09:40 ? 09:45 Ureteroscopia flexível

09:45 ? 09:50 Laparoscopia

09:50 ? 09:55 Conclusões

09h55 ? 10:05 Ureteroscopia flexível. Vale a pena investir no equipamento?

10:05 ? 10:15 Cirurgia renal percutânea em decúbito dorsal

10:15 ? 10:25 Complicações da cirurgia renal percutânea. Como prevení-las.

10:25 ? 10:40 Intervalo

HPB

10:40 ? 10:50 O Greenlight laser veio pra ficar?

10:50 ? 11:15 Discussão de caso: Próstata de 60g, com indicação cirúrgica, paciente com ICC leve

Eu indico RTU 7?

Eu indico laser 7?

Réplica 3?

Tréplica 3?

Conclusões 5?

11:15 ? 11:45 Conferência: Nefrectomia laparoscópica para transplante renal. Lições aprendidas

11:45 ? 12:10 Nefrectomia parcial laparoscópica

11:45 ? 11:55 Quando é necessário o clampeamento do pedículo renal? Somente a artéria? Artéria e veia?

11:55 ? 12:00 Qual o tempo seguro de clampeamento?

12:00 ? 12:05 Sutura em um plano ou 02 planos?

12:05 ? 12:10 A robótica na Nefrectomia parcial

12:10 ? 12:30 Pieloplastia laparoscópica. Dicas e truques.

12:30 ? 13:30 Simpósio Satélite

13:30 ? 14:00 Intervalo

14:00 ? 14:15 Atualização no tratamento da doença de Peyronie.

14:15 ? 14:30 Disfunção erétil pós-prostatectomia radical. Como eu trato? A cirurgia robótica trouxe benefícios?

14:30 ? 15:10 DAEM

14:30 ? 14:40 Reposição hormonal. Como e quando indicar?

14:40 ? 14:50 Como tratar o paciente com ejaculação rápida e disfunção erétil?

14:50 ? 14:57 É seguro repor testosterona em pacientes com neoplasia de próstata tratada?

14:58 ? 15:05 Estudo com Doppler peniano. Necessário nos dias de hoje?

15:05 ? 15:10 Injeção intracavernosa, para quem? Qual droga?

15:10 ? 15:30 Conferência: Investigação de azospermia não obstrutiva

15:30 ? 16:00 UROPEDIATRIA - Reconstrução do aparelho urinário

15:30 ? 15:36 Hipospadiologia

15:36 ? 15:42 Hipospadia distal - como conduzir

15:42 ? 15:48 Hipospadia Proximal - qual a melhor alternativa

15:48 ? 15:54 Indicações de ampliação vesical na infância

15:54 ? 16:00 Atualização em reconstrução vesical

16:00 ? 16:20 Intervalo

16:20 ? 17:20 Programa de DAEM (Webmeeting)

17:20 ? 18:00 Pergunta direta - resposta simples.

? LECO: tem seus dias contados?

? LECO com anestesia ou sedação?

? Duplo J fino ou grosso?

? Como conduzo o duplo J que incomoda muito o paciente?

? Duplo J de rotina na percutânea?

? Fio guia na percutânea, qual o melhor?

? Uso de fio guia em ureteroscopia. Quantos? Qual ?

? Qual Fonte de energia usar na percutânea?

? Qual fonte de energia usar na ureteroscopia semirrígida?

? Ureteroscopia semirrígida. Quantos e qual o fio guia usar?

18h00 Encerramento

14:00 ? 16:00 Sala paralela com vídeos e pôsteres comentados

Fonte: Assessoria