Teresinenses tiveram poucas opções de lazer durante o fim de semana

Com o Zoobotânico fechado para obras, o mirante da Ponte Estaiada ainda sem funcionar, e os parques da cidade sem instalações adequadas, foram poucas as alternativas

Quem tentou curtir o final de semana em pelo menos dois pontos turísticos de Teresina voltou para casa frustrado. O Parque Zoobotânico e o mirante da Ponte Estaiada não funcionaram estes dias, sendo que o último foi fechado para visitação há mais de 10 meses. Além deles, outros pontos de lazer da cidade não possuem estrutura adequada para receber os visitantes.

Desde o sábado, dia 15, (feriado nacional) várias famílias chegavam à entrada do Parque Zoobotânico e eram informadas de que não poderiam curtir o dia ao lado dos animais, porque o local está em reforma. De acordo com José Renato Uchôa, coordenador geral do parque, o aviso do fechamento foi feito por meio dos veículos de comunicação da cidade, mas mesmo assim, muita gente apareceu por lá.

A reforma está em sua segunda etapa, que envolve a aplicação do plano de segurança do manejo dos animais. “Estamos deslocando animais de um local para outro e não tem como fazer isso com visitantes, o nosso protocolo não permite”, disse.

A primeira etapa, já concluída, consistiu na construção de 4km de trilha, de um serpentário, trilha dos ursos, ambulatório veterinário, uma área da Polícia Ambiental, além de uma reforma na área administrativa do Parque.

Os calçadões agora permitem fácil acesso aos recintos dos animais, além de possuírem piso tátil para deficientes visuais. O ambulatório veterinário tem capacidade para até 30 bichos. “Essa é a maior intervenção na estrutura física do parque que já existiu”, acrescenta o coordenador.

Parques estão em situação de abandono

Outro ponto turístico da cidade, o Parque Lagoas do Norte, localizado na zona Norte de Teresina, não vem mais cumprindo sua ideia inicial de implantação: de ser um grande centro de lazer repleto de lagoas e área verde, além de vários espaços para a prática de diversas modalidades esportivas, como futebol, vôlei, skate, badminton e área para caminhada e academia.

Agora, o parque encontra-se em total situação de abandono. Quem mais visita o espaço são os animais. Cavalos e bois podem ser visto a todo instante passeando e se alimentando com o mato que cresce no local. Outro problema são os banheiros. Os visitantes que precisem usá-los não terão como. As portas foram soldadas e o local está totalmente sem utilização. As lampadas e fechaduras das portas estão quebradas.

Com falta de estrutura e segurança, o Parque da Cidade, também localizado na zona Norte de Teresina, é outro que sofre com abandono. Postes sem lâmpadas, árvores caídas, bancos e brinquedos quebrados e falta de policiamento são algumas das reivindicações de quem utiliza o local como lazer. Em todo o Parque, há sinais de sujeira, depredação e existem vários espaços abandonados, como os banheiros, que servem como esconderijo para assaltantes e usuários de drogas. A equipe de reportagem tentou contato com a coordenação dos parques, mas até o fechamento da matéria ninguém foi encontrado para falar sobre o assunto.

Clique e Curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Aline Damasceno