Tribunal de Justiça condena Maurício Mattar a indenizar motoboy agredido em 1999

Tribunal de Justiça condena Maurício Mattar a indenizar motoboy agredido em 1999

Segundo o processo, testemunhas confirmaram a versão do motoboy

O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou o ator e cantor Maurício Mattar, 47, a indenizar em R$ 12 mil o ex-motoboy Rodrigo Martins de Matos. Mattar e Rodrigo se envolveram em um acidente de trânsito em 1999. O ator teria agredido o motoboy após a ocorrência. A defesa do ator vai recorrer.

Segundo o processo, testemunhas confirmaram a versão do motoboy, que estava em uma Kawasaki 100 e foi atropelado pelo artista, que estava em uma picape. Após o acidente, Maurício Mattar Kirk de Souza teria descido do carro e dado socos e chutes em Martins de Matos, que estava ao chão.

A ação de indenização ordinária corre na 1ª Vara Cível, sob o nº de ordem 1845/2001. O advogado de Matos, Aldo Ferreira de Assis, afirmou que também vai recorrer da decisão do tribunal, pois considera o valor da indenização insuficiente.

Procurado pela coluna, o ex-motoboy Rodrigo Matos, hoje com 36 anos, disse que sofreu "danos psicológicos graves" por causa das agressões e que, desde então, está afastado por invalidez.

Contatada nesta segunda-feira, a assessoria (atual) de Mattar disse não ter informações a respeito do processo, e que iria tentar obter mais informações. Se e quando o fizer, terá sua versão acrescida neste texto.

Fonte: UOL