Vendas aumentam com chegada do período B-R-O-Bró

Vendas aumentam com chegada do período B-R-O-Bró

O aumento nas vendas de ventiladores, condicionadores de ar e humidificadores aumentou consideravelmente, mesmo antes de começar o B-R-O-Bró

Por conta da chegada das altas temperaturas, que ficam numa média de 38 a 40° nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, e da baixa umidade do ar, os gastos com energia elétrica apresentam grandes elevações.

Nessa história, empresários que investem no ramo são os mais beneficiados. Porém, em contrapartida, muitos teresinenses acabam tendo grandes gastos com o uso de produtos que amenizam o calor e ainda com o preço elevado na conta de energia elétrica.

O aumento nas vendas desses produtos pode ser facilmente notado. Basta percorrer algumas ruas do centro da cidade (local que concentra grandes lojas) para perceber o grande fluxo de pessoas nesses estabelecimentos com interesse em adquirir umidificadores, climatizadores e ventiladores.

De acordo com um gerente de uma loja, Ronaldo Câmara, desde o início do ano a procura já era intensa e com o B-R-O-Bró, as vendas devem crescer ainda mais.

?No primeiro semestre de 2012, se comparado com o ano passado, tivemos um aumento de 280% nas vendas de umidificadores, climatizadores e ventiladores. E só em relação à venda de splits e ar- condicionado, o aumento foi de 190%. Esses números podem ser facilmente exemplificados.

Por exemplo, enquanto no ano passado vendemos 100 unidades de algum desses produtos, hoje vendemos 300 dele?, explica o gerente ao informar que a loja vende mais de 30 umidificadores em uma semana.

Não só pela compra desses produtos, mas também com o constante uso deles, as pessoas começam a ter grande peso no bolso. Na casa de Elane Rayanne, por exemplo, o uso do ar-condicionado que costuma ser apenas a noite passa a ser em grande parte do dia. Além disso, na residência da auxiliar administrativa, o ventilador se torna um companheiro fiel.

?Nesse período sempre aumenta a conta de energia elétrica. Nos primeiros meses do ano pago R$ 80,00, mas de julho em diante, esse valor começa a mudar e chega, às vezes, a R$ 150,00?, coloca.

Fonte: Erica Maciel Paz e Aline Damasceno