Vida acabou, diz mulher do piloto

Íris Brayner, 26 anos, tinha somente um desejo: tocar pela última vez o rosto do marido

Desde que chegou ao local do acidente, ?ris Brayner, 26 anos, tinha somente um desejo: tocar pela ?ltima vez o rosto do marido, o piloto Eurico Pedrosa Neto, 47. N?o conseguiu. Enquanto esperava a retirada do corpo do companheiro dos destro?os, ela chamou o tempo todo por ele e jurou: ?Vou am?-lo para sempre.?

JC ? H? quanto tempo voc?s eram casados?

?RIS BRAYNER ? Oito anos. Temos uma filha de 5. Eu amava tanto ele. Minha vida acabou. Deus, tira minha vida antes que acabe minha f?!

JC ? O que voc? pode dizer sobre seu marido profissionalmente?

?RIS ? Meu marido era um dos maiores comandantes do Nordeste. Ele j? fez muitos grandes pilotos. Todo mundo o procurava.

JC ? Voc? est? o tempo inteiro querendo ir at? o bimotor. Por qu??

?RIS ? Eu quero chegar perto do meu marido, mas n?o deixam. ? s? isso que pe?o. Quero sentir o rosto dele no meu, do jeito que ele est?, por mais terr?vel que seja.

JC ? Por que voc? quer tanto ver seu marido, mesmo nessa situa??o?

?RIS ? Se eu n?o fizer isso, eu n?o vou suportar. Eu quero que doa. Mas eu preciso toc?-lo, sentir a pele dele, encostar nele. Quero pensar que ele morreu nos meus bra?os e que eu pude proteg?-lo.

JC ? Voc? acha que toc?-lo vai amenizar sua dor?

?RIS ? Isso vai me deixar mais forte. N?o podem me tirar esse direito. Eu quero ele. N?o podem me impedir. Tem um monte de estranhos com meu marido. Eles n?o podem me impedir de toc?-lo. Isso ? uma injusti?a. Eu vou chorar tanto porque eu n?o pude senti-lo. Estou nervosa.

JC ? Voc? j? tem a no??o exata de tudo que ocorreu aqui?

?RIS ? Isso n?o pode estar acontecendo. Meu Deus, n?o faz isso comigo. Meu amor, volta para casa. Acorda.

JC ? Quem era seu marido?

?RIS ? Ele era um ser de bom cora??o nesse mundo cruel. Vou esperar o dia da minha morte para me encontrar de novo com ele. Vou am?-lo para sempre.

Fonte: JC Online, www.jc.com.br