Vítimas do acidente com avião da Calypso serão enterradas em São Paulo e Paraíba

O produtor da banda, Gilberto Silva, 46 anos, será sepultado em Campina Grande, na Paraíba

As duas v?timas fatais do acidente com avi?o da Banda Calypso, no Bairro de San Martin, no Recife, na manh? do ?ltimo domingo (23), devem ser enterradas nesta segunda-feira (24). O produtor da banda, Gilberto Silva, 46 anos, ser? sepultado em Campina Grande, na Para?ba. J? o enterro do piloto Eurico Pedroso J?nior, 49, ser? ao meio-dia, no cemit?rio de Santo Amaro, em Paulista.

Das outras oito pessoas que estavam no avi?o bimotor modelo King Air B200 OSR, que saiu de Teresina, no Piau?, com dire??o ao Recife, apenas o empres?rio do ramo de estivas, Valmir Jo?o de Oliveira, 42 anos, permanece internado em estado grave, no Hospital Santa Joana. Tamb?m continuam internados neste hospital o deputado federal Eduardo da Fonte (PP), 36 anos, que passa bem; e Rog?rio Paes Silva, 40 anos, produtor da banda Calypso, tamb?m em quadro est?vel.

Os outros cinco feridos tamb?m passam bem. Eles est?o espalhados em tr?s hospitais do Recife, com quadro de sa?de est?vel: no Alfa est? Eduardo Henrique Rocha do ?, 35 anos, um dos donos do Centro Diagn?stico Albuquerque do ?, cl?nica de exames de imagem que fica no bairro do Derby, no Recife; no hospital Esperan?a, o superintendente-adjunto do Metr? do Recife (Metrorec), Davidson Tolentino, 37 anos; no Portugu?s est?o Bruno Carvalho Carneiro, 29 anos, que chegou a ser identificado como co-piloto, mas n?o estava na fun??o porque a aeronave era do tipo single pilot ? piloto ?nico, em ingl?s; Luiz Augusto N?brega, 53 anos ? um dos donos da casa de espet?culo Chevrolet Hall, no Recife; e Helena L?cia Ferreira, 40 anos.

O avi?o pertence a Chimbinha, compositor e guitarrista da banda Calypso, mas estava arrendado h? oito meses ? empresa Exclusive Flight, que o administrava. As investiga?es sobre o acidente ser?o comandadas pelo Segundo Servi?o Regional de Investiga??o e Preven??o de Acidentes Aeron?uticos (Seripa). Os trabalhos para retirada dos escombros do avi?o come?aram ainda no domingo (23) e continuam na manh? desta segunda.

De acordo com o diretor de Engenharia da Coordenadoria da Defesa civil (Codecir), Ronaldo Santos, nove casas foram atingidas ? das quais, quatro apresentaram mais danos. Parte de pelo menos uma dessas casas dever? ser demolida, devido ao comprometimento da estrutura.

Sete fam?lias tiveram que ser retiradas e foram abrigadas em casas de parentes. ?Precisamos aguardar a retirada total dos escombros para poder concluir nossas vistorias nas casas que faltam ser vistoriadas e verificar se ser? necess?rio demolir algum muro para acionar os ?rg?os respons?veis, como a Celpe, para ver a quest?o do fornecimento de energia, e o ?rg?o respons?vel pela aeronave, para que assuma os danos?, afirmou Ronaldo Santos.

ACIDENTE

O acidente aconteceu na rua Ibituba, no bairro de San Martin, no Recife. O local fica pr?ximo ao terminal do ?nibus de Mangueira, na Zona Oeste da capital.

Segundo informa?es que o sobrevivente Bruno Carneiro prestou a parentes, quando estava a 150m da pista do Aeroporto Internacional dos Guararapes, o piloto recolheu o trem de pouso, porque percebeu que a aeronave apresentou perda de pot?ncia. No entanto, ele n?o conseguiu evitar a queda.

O avi?o pertence a Chimbinha, compositor e guitarrista da banda Calypso, mas estava arrendado h? oito meses ? empresa Exclusive Flight, que o administrava. O grupo havia feito um show na capital piauiense no ?ltimo s?bado (22); os integrantes da banda foram de ?nibus para Fortaleza (CE) e j? foram informados sobre o acidente.

Em entrevista exclusiva ? TV Verdes Mares, afiliada da Rede Globo em Fortaleza, Joelma e Chimbinha lamentaram o acidente e a morte do produtor e amigo pessoal do casal, Gilberto Silva, bem como do piloto do avi?o. Muito emocionado, Chimbinha mal conseguia falar sobre o caso.

Fonte: pe360graus, www.pe360graus.com