Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

EUA: Filhote de pitbull morre ao proteger crianças de cobra venenosa

Georgina conta que percebeu que o cachorro estava com a boca bastante inchada e imaginou que ele havia sido picado por algum inseto.

Compartilhe
Google Whatsapp

Zeus, um pitbull de apenas 8 meses, morreu após proteger seu donos de uma cobra coral. Ele foi picado ao menos quatro vezes e não resistiu. O caso ocorreu na semana passada, no estado da Flórida, nos Estados Unidos. As informações são do Extra.

De acordo com a dona do cachorro, Georgina Richardson, os filhos estavam do lado de fora brincando com os cachorros. Oriley, o mais novo, notou que Zeus havia pulado em sua direção com uma "corda na boca". O marido, Gary, ouviu o outro cachorro latindo muito e pediu em seguida que Orion, o filho mais velho do casal, trocasse a água deles. Orion notou então que Zeus agia de maneira estranha e estava com os olhos esbugalhados.

Georgina Richardson

Georgina conta que percebeu que o cachorro estava com a boca bastante inchada e imaginou que ele havia sido picado por algum inseto. Foi em busca de uma remédio para Zeus, mas quando o marido segurou o cachorro pra que ela pudesse lhe dar o remédio, viu que havia uma cobra morta debaixo dele.

Georgina imediatamente correu para um hospital com Zeus. Descobriu no caminho que a unidade de saúde para onde se dirigia não tinha um antiveneno e foi orientada a ir para um hospital a cerca de 45 minutos de distância de onde estava. O cachorro ficou estável após algumas horas e tinha a previsão de ser tranferido, mas morreu na manhã seguinte.

"Espero que Zeus viva como embaixador da raça pitbull. Eles não merecem a má publicidade que recebem porque dariam suas vidas para salvar os outros", lamentou Georgina.

Ela criou uma vaquinha online para arcar com os custos da internação de cachorro. Segundo ela, apenas uma dose do antiveneno custava US$ 500. A meta de arrecadação já foi alcançada.

Georgina Richardson


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar