Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Florianópolis segue sem mortes por coronavírus há 25 dias

Cidade é a terceira com mais casos no estado: 644, com 7 óbitos. Para prefeitura, dados refletem medidas mais restritivas, fiscalização e atendimento a suspeitos.

Compartilhe

Há 25 dias Florianópolis não registra uma morte pelo novo coronavírus, apesar de ser a terceira cidade catarinense com mais casos da doença. A capital tem 644 pacientes de Covid-19, com sete mortes. Para a prefeitura, os dados refletem os trabalhos de medidas mais restritivas, fiscalização e atendimento a suspeitos. A última morte foi em 4 de maio. As informações são do G1.

A capital começou a pandemia com o maior número de casos de coronavírus. Em 17 de maio, foi ultrapassada por Chapecó, no Oeste, e na quinta, por Concórdia, na mesma região. Essas duas cidades têm 877 e 839 casos, respectivamente, segundo o boletim mais recente divulgado pelo governo do estado, na noite de sexta-feira (29). Entre segunda (25) e sexta, Florianópolis registrou um aumento de 16 casos.

Para a prefeitura, contribuiu para isso o serviço Alô Saúde, em que os moradores podem entrar em contato por telefone ou aplicativo e ter um atendimento pré-clínico. O município também afirmou que intensificou fiscalizações e multas para pessoas que descumprirem medidas que evitem a transmissão do vírus, como o isolamento social para quem foi diagnosticado com a doença.

Em relação a testes, a prefeitura disse que, além das pessoas com suspeita de Covid-19, também são feitos exames em contatos próximos a elas. O município afirmou que isso ajuda a esclarecer a situação real do contágio da doença na cidade, o que auxilia na tomada de decisões de flexibilização do isolamento social.

Até sexta, haviam sido feitos mais de 6,9 mil testes de coronavírus. Estes números incluem os de PCR, recomendados para a fase inicial dos sintomas, e os rápidos, feitos de sete a oito dias após os primeiros sintomas.

Sobre as medidas restritivas, o transporte coletivo, as aulas e os eventos continuam suspensos na capital. O prefeito Gean Loureiro (sem partido) disse em reunião na sexta acreditar que o retorno dos ônibus poderá ser possível na metade de junho.

Veja mais notícias do estado no G1 SC


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar