Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Guedes descarta estender o auxílio emergencial em 2021: "Acabou isso"

O auxílio emergencial foi inicialmente proposto pelo governo para durar três meses

Compartilhe

 O ministro da Economia, Paulo Guedes afirmou nesta quarta-feira (7) que não existe a possibilidade de prorrogar o pagamento do auxílio emergencial para 2021. Ele garantiu que o plano emergencial criado por conta da pandemia do novo coronavírus irá até dezembro deste ano. 

— Tem um plano emergencial e o decreto de calamidade que vão até o fim do ano. E no fim de dezembro acabou tudo isso — disse Guedes. 

O auxílio emergencial foi inicialmente proposto pelo governo para durar três meses, com parcelas mensais de R$ 200. O Congresso, em seguida, estabeleceu um valor de R$ 600 após ser negociado com o Palácio do Planalto.  Com o avanço da crise da covid-19, o prazo do pagamento de R$ 600 aumentou para cinco meses. Depois, o pagamento do  foi estendido até dezembro deste ano,  com valor de R$ 300.


Ministro da Economia, Paulo Guedes Foto: Jorge William / Agência O Globo 



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar