Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Água-viva gigante aparece para mergulhadores

A água-viva acima pertence à espécie Rhizostoma pulmo

Compartilhe
Google Whatsapp

Você há de concordar que as águas-vivas estão entre as criaturas marinhas que costumam inspirar bastante medo nos humanos, certo? Então, imagine estar mergulhando tranquilamente e cruzar com um animal desses – só que um tão grande quanto um humano adulto! Pois foi com uma monstruosidade dessas que Lizzie Daly, uma bióloga da BBC, e sua equipe se depararam recentemente. A informação é do Mega Curioso.

Confira na sequência a seguir: 

This is crazy! Divers swam with this massive barrel jellyfish off the coast of Cornwall.

It’s the largest species of jellyfish found in British [email protected] @Shark_ManDan pic.twitter.com/LjxvHS53aB

— BBC Newsbeat (@BBCNewsbeat) 15 de julho de 2019

Colossal

A água-viva acima pertence à espécie Rhizostoma pulmo e foi avistado no litoral de Cornwall, na Inglaterra, durante um evento conhecido como “Wild Ocean Week” em que ocorre uma campanha para arrecadação de fundos para a Organização para a Conservação Marinha do Reino Unido.

BBC / Dan Abbott / Reprodução 

Trata-se do maior exemplar desse tipo de animal que pode ser encontrado no Mediterrâneo e nas águas que banham o Reino Unido, podendo chegar a alcançar até 1 metro de diâmetro, sem contar os 8 “braços” – que podem se estender por quase 2 metros de comprimento! No caso da criatura observada por Lizzie e o cinegrafista da BBC, Dan Abbott, como você viu nas imagens, ela era colossal e tão grande ou maior que os mergulhadores que se aproximaram dela.

E você ficou se perguntando se essa galera correu algum risco ao nadar assim, tão pertinho da água-viva? Na verdade, apesar de essa espécie ser dotada de cnidoblastos – ou seja, de células urticantes –, seus ataques não chegam a causar lesões e ela não produz toxinas muito irritantes e, portanto, com exceção de pessoas com peles muito sensíveis, a R. pulmo não costuma oferecer muito perigo aos humanos. De qualquer forma, essas criaturas são impressionantes e é sempre aconselhável manter distância!


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×