Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Dormir na mesma cama com um cão faz mal à saúde?

O médico Jack Gilbert comentou sobre alguns prós e contras de dormir com cachorros

Compartilhe
Google Whatsapp
Siga-nos

O médico Jack Gilbert, diretor do Microbiome Center da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, decidiu esclarecer uma dúvida muito comum para quem tem cachorros e afirmou que compartilhar a cama com os pets não é saudável – mas apenas em alguns casos. As informações são do Notícias ao Minuto.

Por exemplo, e segundo o especialista, não deve deixar o seu cão dormindo na sua cama se sofrer de alergias. “O seu sistema imunológico está preparado para reagir de forma exagerada às substâncias alérgicas”, disse Gilbert. A sua cama pode se tornar em um epicentro de alérgenos e se você respira essas partículas nocivas por cerca de oito horas todas as noites, e isso pode prejudicar a sua saúde.

De fato, um estudo realizado na Coreia descobriu que camundongos expostos a alérgenos por um período prolongado apresentaram altos níveis de inflamação prejudicial.

Pode parecer óbvio evitar o contato com cães se é alérgico a eles, mas as alergias a animais são muito mais comuns do que pensa. Mais de metade da população padece do problema, de acordo com a Asma and Allergy Foundation of America (EUA).

Não tenho alergias. Posso dormir com o meu cão?

Os bichinhos costumam se virar durante a noite, o que pode interromper o sono ou despertá-lo por completo. O défice de sono está associado a várias disfunções, desde comer demais, à falta de concentração na realização de tarefas laborais, a um desempenho atlético reduzido. As pessoas que dormiam apenas cinco horas por noite comiam mais calorias por dia do que as que dormiam oito horas, de acordo com investigadores da Clínica Mayo (EUA). Além disso, atletas profissionais que não dormem o suficiente tendem a ter carreiras mais curtas, de acordo com cientistas da Martha Jefferson Sleep Medicine Center (EUA).

Ainda assim, e segundo uma outra pesquisa publicada na revista Mayo Clinic Proceedings, mais do que o dobro de pessoas afirmam que os seus cães os ajudam a dormir do que as pessoas que afirmam que os seus animais atrapalham o sono.

Isso pode ocorrer porque os animais de estimação têm efeitos positivos no bem-estar psicológico e físico, o que ajuda a moldar a forma como regulamos as nossas emoções e lidamos com o stresse. Investigadores da University of Missouri-Columbia (EUA) descobriram que interagir com um animal de estimação faz com que o cérebro liberte oxitocina, o hormônio do bem-estar.

Mas e os germes que trazem para casa?

Os cães elevam a contagem de bactérias dentro de casa, de acordo com cientistas da University of Colorado (EUA). Mas nem todas as bactérias são ‘más’.

De facto, a exposição a muitos tipos de bactérias pode ajudar a fortalecer o sistema imunológico, o que pode ajudá-lo a repelir certas doenças e até mesmo a manter um peso saudável e bom humor. O médico Jack Gilbert, por exemplo, diz ter realizado uma pesquisa que apurou que crianças que cresceram com animais apresentam taxas mais baixas de algumas doenças auto-imunes.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Siga-nos

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar