Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Fatos científicos que justificam a infidelidade amorosa

Mulheres tendem a trair no período de ovulação

Compartilhe
Google Whatsapp

Apesar de tantos anos de evolução como sociedade, as pessoas ainda se questionam porque as pessoas traem. A traição é, sem dúvida, algo muito difícil de compreendermos e aceitarmos, afinal de contas, ninguém quer ser traído, independentemente da situação. Seja por um amigo, um familiar ou por aquele/a que você escolheu para dividir a vida.

Cientistas e pesquisadores de diversas partes do mundo, que estudam o comportamento humano, desejam compreender de fato o que leva os indivíduos a traírem. Este comportamento é provavelmente uma das grande razões pelas quais um casal termina seu relacionamento. Além de ser enredo principal em diversas produções cinematográficas e programas de televisão.

Pensando nisso, hoje, listamos para vocês alguns fatos científicos que nos explicam porque algumas pessoas traem. Confira!

1 - Ovulação

Segundo estudos, as mulheres no período em que estão ovulando, tendem a trair com mais frequência do que as mulheres que não estão. No período da ovulação, elas são altamente férteis, aumentando os níveis de atração, podendo se estender para outros homens além de seu parceiro.

2 - Infelicidade

Um indivíduo que trai nem sempre está insatisfeito com seu relacionamento. Na verdade, a maioria dos homens e mulheres que já o fizeram, relataram que estavam muitos felizes com seus parceiros e parceiras, apesar de terem traído.

3 - Voz profunda

Homens com voz profunda seriam mais propensos a serem acusados de traição por seus cônjuges. Da mesma forma, no caso das pessoas namorando, mulheres com voz mais aguda tendem a sentir que estão sendo traídas. Obviamente, isso não é uma regra.

4 - Pessoas casadas

A maioria das pessoas casadas vai trair durante sua vida. Aproximadamente 50% das mulheres casadas e 60% dos homens casados terão um caso em algum momento. Estes números basicamente dobraram na última década.

5 - Ocitocina

Segundo os cientistas, alguns hormônios em nosso organismo podem contribuir para que as traições ocorram. O hormônio liberado quando alguém nos faz um cafuné, por exemplo, nos ajuda a formar um vínculo com essa pessoa. Pessoas com níveis mais baixos desse hormônio são mais propensas a procurá-lo em outros parceiros.

6 - Testículos maiores

Segundo pesquisadores, machos que desenvolvem testículos maiores tendem a armazenar mais espermatozoides e querem acasalar com muito mais frequência com as fêmeas. O que pode contribuir para que uma pessoa comece a trair seu cônjuge.

7 - Redes sociais

Cientistas correlacionaram o uso das redes sociais com as traições. Eles descobriram que o Facebook, Instagram e Twitter, por exemplo, na verdade, ajudam as pessoas a se reconectarem com indivíduos com os quais elas tiveram algo no passado ou a conhecerem novas pessoas, aumentado a probabilidade de traições.

8 - Mamíferos poligâmicos

Acredite você ou não, apenas 3% dos mamíferos são realmente monogâmicos. Os humanos, em sua maior parte, estão dentro desse grupo. A grande maioria das espécies de primatas, por exemplo, não fica com o mesmo parceiro/a por toda sua vida.

9 - Hormônio da felicidade

Quando fazemos sexo com uma nova pessoa, nosso organismo é "inundado" por dopamina. Isso causa sentimentos intensos de recompensa na grande maioria das pessoas. O que pode estimular as traições.


Siga nosso canal no telegram
Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se