Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Homem fura camisinhas durante o sexo e é condenado por estupro

Durante o julgamento, o juiz Nicholas Cole disse que o acusado teve sorte de não ter engravidado a vítima.

Compartilhe

 Andrew Lewis, de 47 anos, pode ficar até quatro anos preso na cidade de Worcester, no Reino Unido, após ser condenado por estupro furar preservativos antes de uma relação sexual. O caso aconteceu na última sexta-feira (2). As informações são do Extra. 

Lewis foi denunciado pela vítima março de 2018. A mulher encontrou na lixeira o preservativo furado usado por ele e descobriu alfinetes e mais camisinhas danificadas na mesa de cabeceira do homem, que negou todas as acusações a princípio. No entanto, ele acabou reconhecendo o erro no tribunal.

Homem  assumiu os erros durante o julgamento (Reprodução)

Durante o julgamento, o juiz Nicholas Cole disse que o acusado teve sorte de não ter engravidado a vítima, pois poderia ser condenado a uma pena muito maior. O magistrado destacou que a mulher enganada deixou claro que não queria um filho e só consentiu a relação sexual com base no fato de que Lewis usaria preservativo.

 

 


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar