Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Possíveis sinais de vida são detectados na atmosfera de Vênus

Uma equipe internacional de astrônomos detectou uma molécula misteriosa que pode ser o subproduto de células vivas.

Slide 4 de 7
Compartilhe

Por que a descoberta é interessante?

Vênus não está no topo da lista quando se pensa em possibilidade de vida em outras partes do nosso Sistema Solar. O planeta tem condições atmosféricas inóspitas para a vida como a conhecemos. Com 96% da atmosfera composta de dióxido de carbono, ela tem um efeito estufa descontrolado. As temperaturas da superfíciese parecem com as de um forno de pizza - mais de 400° C.

As sondas espaciais que já foram enviadas ao planeta sobreviveram poucos minutos antes de quebrar. No entanto, a 50 km de altura, as condições melhoram um pouco. Então, se realmente existe vida em Vênus, é exatamente ali que podemos esperar encontrá-la.

O bioquímico William Bains, membro da equipe que fez a descoberta e pesquisador do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos EUA, estudou várias combinações de diferentes compostos que deveriam estar em Vênus. Ele examinou se vulcões, relâmpagos e até meteoritos poderiam desempenhar um papel na fabricação da fosfina. Mas todas as reações químicas que investigou, diz ele, são fracas demais para produzir a quantidade de fosfina observada.

No entanto, as nuvens no planeta são grossas e compostas principalmente (75%-95%) de ácido sulfúrico, que é catastrófico para as estruturas celulares que constituem os organismos vivos na Terra. Para sobreviver ao ácido sulfúrico, acredita Bains, os micróbios venusianos transportados pelo ar teriam que usar alguma bioquímica desconhecida e radicalmente diferente, ou desenvolver um tipo de armadura.

"Teoricamente uma vida nascida na água poderia se esconder dentro de uma espécie de concha protetora dentro das gotas de ácido sulfúrico", disse ele ao programa Sky At Night. "Estamos falando de bactérias que se cercariam com uma carapaça mais resistente do que o Teflon e se fechariam completamente. Mas como se alimentam? Como trocam gases? É um verdadeiro paradoxo."

Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar