Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Venda de preservativos aumenta na Coreia do Sul após país legalizar adultério

O aumento nas vendas de preservativos, desde então, indica uma elevada atividade íntima das pessoas.

 Venda de preservativos aumenta na Coreia do Sul após país legalizar adultério
Camisinha | Reprodução
Compartilhe

O mercado de preservativos está à espera de um considerável aumento em sua venda na Coréia do Sul, após a legalização do adultério no país.

Segundo o jornal Time, o valor das ações em uma empresa que produz preservativos sul-coreanos – a UNIDUS Corp. – cresceu em 15%.

O adultério era considerado crime no país desde 1958 – em 2014, 892 pessoas foram acusadas desse crime.

No início desta semana, no entanto, nove juízes consideraram a lei “inconstitucional”. De acordo com o entendimento do os juízes do Tribunal Constitucional Justiça Ki-seok Seo, “a lei é inconstitucional, pois viola o direito das pessoas de tomarem suas próprias decisões sobre sexo e da própria liberdade sob suas vidas.”

O aumento nas vendas de preservativos, desde então, indica uma elevada atividade íntima das pessoas.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar