Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que lésbicas

As informações são da rede BBC

Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos do que mulheres lésbicas ou bissexuais e homens. A conclusão é de um estudo publicado recentemente no periódico científico Archives of Sexual Behaviour que analisou o “intervalo de orgasmos” entre gêneros e diferentes orientações sexuais. As informações são da rede BBC.

De acordo com os autores, essa diferença pode ser explicada por razões sociais e evolutivas e “o fato de que as mulheres lésbicas têm orgasmos com maior frequência do que as mulheres heterossexuais indica que muitas heterossexuais podem ter maiores taxas de orgasmo”. Entre as possíveis “estratégias” para modificar esse cenário nas mulheres heterossexuais, os pesquisadores indicam mais sexo oral e estimulação manual. 

Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que lésbicas
Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que lésbicas


Para chegar a essas conclusões, pesquisadores da Universidade de Indiana, Universidade Chapman e Universidade de Claremont, todas nos Estados Unidos, realizaram um levantamento com 52.600 pessoas nos Estados Unidos. Os resultados mostraram que a proporção de pessoas que geralmente têm orgasmos é de 65% das mulheres heterossexuais, 66% das mulheres bissexuais, 86% das lésbicas, 88% dos homens bissexuais, 89% dos homens gays e 95% dos homens heterossexuais.


Fonte: Com informações da Veja