Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Escola de Dança estreia o espetáculo Maria Bonita

Espetáculo será apresentado nos dias 31 de outubro e 1º de novembro, às 17h e 19h, no Theatro 4 de Setembro.

Escola de Dança estreia o espetáculo Maria Bonita
Ensaios | Divulgação
Compartilhe
Google Whatsapp

É da Caatinga que vem a fonte de inspiração para o mais novo espetáculo da Escola Estadual de Dança Lenir Argento. Trata-se de ‘Maria Bonita’, um espetáculo vivo e quente, como está definido em sua sinopse. Ele estará em cartaz nos dias 31 de outubro e 1º de novembro, às 17h e 19h, no Theatro 4 de Setembro.

Inspirado na história do sertão nordestino, o espetáculo traz toda ancestralidade presente nas mulheres lembradas através de Luzia (fóssil humano mais antigo encontrado na América do Sul) e Esperança Garcia.

Foi na resistência que se buscou o caminho para dar vida a esta produção que remete em parte a própria imagem do Nordeste com toda a sua força e personagens que marcam sua história.

A proposta é trabalhar na dança uma imagem viva, repleta de poesia, singularidades e peculiaridades de mulheres do Sertão Nordestino em experiências reais de coragem, sofrimento, alegria e bravura. ‘Maria Bonita’ convida o público a invadir a Caatinga piauiense e investigar a força da mulher nordestina.

São teresinenses, piauienses e nordestinas, cujos papéis sociais e culturais contribuíram para um Nordeste mais forte. São muitas personagens que inspiram através de suas histórias. “É a imagem viva da mulher cangaceira, que quebra padrões, guerreira, de uma personalidade forte e intrigante. É a vivacidade e energia dançante das Catirinas, a força das Rainhas Caipiras, e a engenhosidade das Maria Fulô. É deixar o boi fluir pelos pés. É sentir a dança popular nas veias nordestinas e se deixar levar”, destaca Datan Izaká, que assina a concepção do espetáculo.

Segundo ele, o projeto foi planejado, construindo-se uma Maria Bonita inspirada em mulheres que historicamente vêm ocupando papéis, travando lutas e mudando o mundo. “O espetáculo se constrói em meio a subjetividades inspiradas em referências femininas de sustentação da cultura piauiense. Quem são as Marias Bonitas que protagonizam essa história? Dessa vez, o cangaço e toda sua potencia é liderado por elas. Desde muito tempo atrás, várias mulheres vêm se tornando Marias Bonitas, imortalizadas através de seus feitos, sua coragem e energia. Energia aqui recuperada com o intuito de falar sobre o sertão a partir de outro ponto de vista”. (Por Liliane Pedrosa)


Siga nosso canal no telegram
Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto