Escolas campeãs de SP desfilam e emocionam, mesmo com chuva

O público que compareceu ao desfile ficou emocionado

A chuva que caiu em São Paulo na noite de sexta-feira (3) não colaborou para que o público lotasse o sambódromo do Anhembi para ver as melhores escolas de 2017. Quem compareceu ao desfile das campeãs, no entanto, voltou a se emocionar com alguns dos melhores espetáculos da festa de Momo. Parte da arquibancada resistiu até depois das 5h, quando a grande campeã Acadêmicos do Tatuapé entrou na avenida e cantou o samba-enredo que exaltou as cores e as festividades da África.

O público já estava aquecido pela passagem da vice-campeã Dragões da Real, que fez uma homenagem à música "Asa Branca", e da terceira colocada, Vai-Vai, que apresentou um enredo sobre Mãe Menininha do Gantois. Também desfilaram Império de Casa Verde e Rosas de Ouro, além da campeã do Grupo de Acesso, X-9 Paulistana, e a vice, Torcida Tricolor Independente.

Desfile das escolas campeãs de São Paulo
Desfile das escolas campeãs de São Paulo


Além de exaltar o clima de festa, as diretorias das agremiações aproveitaram para falar sobre o planejamento de 2018.


"Vamos anunciar nosso enredo do próximo ano no dia 23 de abril. E a partir daí todo o trabalho recomeça do zero. Teremos de novo de fazer o melhor desfile da nossa história", disse Eduardo Santos, presidente da Tatuapé, que conquistou seu primeiro título em 64 anos de história. "Essa campeonato não muda nada no nosso trabalho. Seguiremos com nosso planejamento, fazendo um espetáculo cada vez melhor."


Na Dragões da Real, o trabalho também não deve demorar para recomeçar. "Isso tudo que apresentamos é resultado de muito trabalho. Para o ano que vem, vamos escolher um enredo que seja a nossa cara e vamos pra cima. Somos a escola mais nova e perdemos para a Tatuapé, que tem 64 anos. Somos campeões também e estamos muito felizes", disse o presidente, Renato Remondini, o Tomate.


O presidente da Vai-Vai, Darly Silva, o Neguitão, garantiu que o enredo de 2018 já está definido, mas não quis revelar o tema.


Em 2018, a X-9 retorna ao Grupo Especial após cair em 2016 para o Grupo de Acesso. Também será o ano da estreia da Torcida Tricolor Independente na elite do Carnaval.




Fonte: Uol
logomarca do portal meionorte..com