Atriz da Globo, Bárbara Paz surpreende: "Devia ter nascido menino"

Atriz participou do "Bipolar Show", do Canal Brasil. Confira!

Bárbara Paz fez revelações que deram o que falar durante entrevista no "Bipolar Show", do Canal Brasil. Atualmente atuando na novela "O Outro Lado do Paraíso", da TV Globo, ela também falou sobre a produção de um documentário obre o cineasta com quem foi casada, Hector Babenco, morto em 2016. 

"Devia ter nascido menino mesmo. Eu era pra ter chamado Plínio Luiz. Fui a quarta a nascer, e nasci menina, cara e feição de menina, mas o menino está aqui dentro de mim. É muito dúbio isso dentro de mim, eu me sinto menino, mas quando eu olho no espelho, eu vejo que tem uma menina. Quando eu olho meu corpo, eu vejo que eu tenho peito, coxa, mas está faltando alguma coisa", disse. 

Atriz conta que após a morte do marido procurou ajuda do médium João de Deus.  "O luto demora muito e ainda não passou. Estava muito fraca dentro de mim e não conseguia dormir. Precisava de ajuda para fazer a minha peça tranquila e saber que a vida segue, que não acaba. Estou em cartaz com a minha peça em Brasília, peguei o carro e fui sozinha até Abadiânia. Falei que queria conhecer o João de Deus. Depois que eu saí de lá, dormi 11 horas seguidas e me aliviou. Não sei o que ele fez. Talvez tenha me dado um passe. Eu estava me destruindo um pouco. Agora, tenho um novo pai, o João de Deus", contou. 

Bárbara Paz explica como surgiu a ideia de fazer um documentário sobre o cineastra. "Começou há oito anos, quando perguntei se já haviam feito um documentário dele. Ele respondeu que ninguém nunca havia tido essa vontade tanto quanto eu, e perguntou: 'Quando vai começar o filme?'. Estávamos em um dos hospitais durante o tratamento dele, eu tinha uma câmera e comecei a filmar. Sempre tive vontade de ser documentarista, mas o (lado) atriz falou mais alto. Ele me incentivou a acreditar no meu olhar, na minha fotografia... Foi um grande incentivador para eu acreditar que poderia ser não só atriz, mas uma grande diretora. Grande, pequena... Como ele falava, 'não tem grande ou pequena, tem que fazer o primeiro filme'. E é o que estou fazendo", revelou.

Fonte: Com informações da Purepeople
logomarca do portal meionorte..com