Vidente brasileiro teria enviado carta à Ariana sobre atentado

O presságio teria sido registrado e protocolado em 29 de abril

O vidente Jucelino da Luz, famoso por enviar cartas com supostas previsões de catástrofes de grande repercussão midiática, teria previsto o atentado terrorista no show da cantora Ariana Grande, no Reino Unido. A tragédia causou grande comoção mundial.

O presságio teria sido registrado e protocolado em 29 de abril de 2017. No documento, em inglês, Jucelino informa com detalhes que a explosão aconteceria em Manchester no dia 22 de maio e que 21 pessoas iriam morrer.O documento traz ainda, em um segundo tópico, uma previsão da morte de Chris Cornell, para o dia 18 de maio. Ele foi encontrado morto, aos 52 anos, em seu quarto de hotel em Detroit. O laudo dos legistas comprovou o suicídio por enforcamento.

No terceiro tópico, ele prevê um ataque terrorista em uma estação de Paris, na França, para o dia 10 de setembro de 2017.

Jucelino da Luz já deu várias entrevistas para diversos veículos de comunicação, incluindo o “Programa do Jô”, a respeito de suas previsões polêmicas. Em 2015, ele ganhou destaque por supostamente ter previsto a morte do cantor Cristiano Araújo.



Fonte: RD1
logomarca do portal meionorte..com