mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Abel cobra Flamengo por premiação de títulos

Treinador não levou o caso à Justiça pois acredita em acordo amistoso

Abel cobra Flamengo por premiação de títulos
| Celso Pupo/Fotoarena

Comandante do Flamengo até maio deste ano, o técnico Abel Braga espera receber uma parte da premiação pelos títulos do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores. Os representantes do treinador estão em contato com o clube rubro-negro e esperam resolver tudo de forma amistosa por considerarem que os valores estavam em contrato. A informação foi publicada pelo jornalista Gilmar Ferreira, do Extra. Em contato com a reportagem do LANCE!, Abel explicou o caso.  Informações do site Terra

"Qualquer treinador, quando assina um contrato, você coloca... se for campeão carioca, X. Se for campeão brasileiro, X. Se for campeão da Copa do Brasil, X. Conseguiu a classificação para a fase de grupos da Libertadores, X. Todo mundo tem isso no contrato. Então, se eu participei do Brasileiro, o time foi campeão. Eu tinha, um exemplo, R$ 100 mil de prêmio, eu tinha que receber R$ 6 mil, porque eu participei de seis jogos. Se eu tinha, por exemplo, R$ 200 mil para ser campeão da Libertadores, foram 13 jogos, sendo que participei de seis. Então, eu tenho o valor daqueles R$ 200 mil pelas partidas que fiz", disse Abel.

O treinador, porém, ainda não pensa em levar o caso à Justiça pois acredita que o Flamengo acertará o que ele diz ter direito. Caso o clube decida não pagar, a medida não está descartada. O Fla vai distribuir mais de R$ 70 milhões entre jogadores, comissão técnica e funcionários do departamento de futebol. Nos últimos dias, jogadores questionaram os valores que alguns funcionários receberiam.

Abel cobra Flamengo por premiação de títulos - Imagem 1

"Ninguém falou nada de justiça. Isso é um direito que o Flamengo vai me pagar com certeza e que estava no meu contrato. Caso o Flamengo falar não, aí vai sair briga na Justiça. Mas o Flamengo não me avisou nada. Não tem nada a ver com o problema do prêmio de jogadores que aconteceu. Eu tenho uma cláusula no meu contrato em que eu teria X por competição conquistada. Se eu participei de seis jogos, divide pelo número total de jogos. E o valor é quanto eu vou receber. Está no meu direito. O Flamengo não me deve nada, me pagou tudo. Agora, tem esses prêmios e vou conversar com eles", completou Abel.

O L! tentou contato com o departamento jurídico do Flamengo, mas não obteve resposta até o fechamento desta reportagem. Nos bastidores entende-se que não será necessária uma ação judicial pois, na rescisão do contrato, Abel teria extinguido qualquer obrigação futura.

Abel comandou o Flamengo na primeira fase da Libertadores e nas seis primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro. Ele pediu demissão em maio, quando alegou saber que o clube conversava com o português Jorge Jesus antes mesmo de fechar sua saída. Na última semana, o treinador acertou com o Vasco.



Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail