Atlético-MG vence o Cruzeiro e conquista 44º título mineiro

Galo não vencia o rival há 2 anos, ganha o jogo e fica com o título

Quarenta e quatro vezes Atlético-MG! Em tarde de muita festa e em um jogo franco, com direito a recorde de público no Independência, o Atlético-MG venceu o Cruzeiro por 2 a 1 e comemorou mais um título de Campeonato Mineiro na sua história, ampliando a vantagem que tem em número de títulos no estado de Minas Gerais. Robinho, no primeiro tempo, abriu o placar para os donos da casa. Na segunda etapa, Ábila, com um voleio na grande área, empatou. No entanto, Elias fez o segundo e sacramentou mais uma taça para a sede de Lourdes. Além do título, o Galo derruba também um tabu de não vencer o Cruzeiro há dois anos. No Horto, podia até empatar, mas o título veio com vitória!

PRIMEIRO TEMPO

Precisando vencer para ser campeão, o Cruzeiro mostrou uma postura ofensiva logo de cara, partindo para cima. Do outro lado, a tática de Roger com os três volantes (Rafael Carioca, Elias e Adilson) era povoar o setor e buscar uma roubada de bola para sair no contra-ataque. E a chance que o Galo queria veio aos 12 minutos. Léo Silva desarmou e lançou Robinho. O camisa 7 passou por Hudson, tocou para Fred e correu para receber o cruzamento livre, tendo o trabalho apenas de dar o carrinho e abrir o placar no Independência. A tática de Roger se mostrou ainda melhor com a vantagem no placar, e por pouco o Atlético não fez 2 a 0. Inibindo as ações ofensivas da Raposa, que não conseguia penetrar a última linha de marcação atleticana, em mais um contragolpe o Galo balançou as redes de novo, e novamente com Robinho. No entanto, o assistente assinalou impedimento e invalidou a jogada. Do lado azul, a melhor chance de gol veio aos 47, com Rafael Sobis, em chute que saiu à esquerda de Victor. O placar do fim do primeiro tempo foi mesmo 1 a 0.


Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Globoesporte.com