Barcelona divulga comunicado sobre suspensão dada a Messi

A entidade considerou que o jogador desrespeitou o árbitro.

O Barcelona fez questão de demonstrar sua indignação com a punição imposta a Lionel Messi pela Fifa, de quatro jogos de suspensão, após uma confusão entre o argentino e o bandeirinha brasileiro Emerson de Carvalho. Em comunicado divulgado nesta quarta-feira, o clube catalão afirmou que “foi injusta e desproporcional” a suspensão de quatro jogos aplicada ao craque.

A entidade considerou que o jogador desrespeitou o árbitro assistente na vitória por 1 a 0 sobre o Chile, na semana passada, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para Copa de 2018. O jogador ainda foi multado em 10 mil francos suíços (cerca de R$ 31 mil).

“O FC Barcelona expressa sua surpresa e indignação ante a atuação da equipe da comissão disciplinar da Fifa para sancionar o jogador Leo Messi, após o jogo classificatório da Copa do Mundo entre Argentina e Chile. O clube considera injusta e totalmente desproporcional a punição de quatro jogos finalmente imposta ao jogador argentino. Por último, o FC Barcelona quer reiterar seu apoio a Leo Messi, esportista exemplar por sua conduta dentro e fora dos gramados", diz a nota oficial.

Com a punição, Messi só poderá voltar a jogar pela Argentina na última rodada das Eliminatórias, contra o Equador, no dia 10 de outubro. Mas a Associação de Futebol da Argentina (AFA) deve recorrer para ter o craque contra Uruguai (31 de agosto), Paraguai (5 de setembro) e Peru (5 de outubro).


Fonte: Com informações do Extra
logomarca do portal meionorte..com