Conmebol descarta final da Libertadores em Miami

Entidade ainda vai decidir sobre mudanças no regulamento do torneio

A Conmebol descartou a possibilidade de a final da Copa Libertadores ser realizada em Miami, no Estados Unidos. A entidade estuda uma mudança no formato da final, que passaria a ser disputada em jogo único, com a sede do jogo final sendo definida antes do início da competição. 

 A decisão será anunciada até o final deste ano. Enquanto não define a questão, a Conmebol divulgou um calendário para 2018 com duas possibilidades: final em jogo único no dia 1 de dezembro ou e com duas partidas (7 e 28 de novembro).

Libertadores (Crédito: AP)
Libertadores (Crédito: AP)

Inicialmente, o Maracanã era o candidato brasileiro para sediar um possível final em 2018, mas, o Rio de Janeiro acabou sendo substituído por São Paulo, especialmente pela crise de segurança vivida no Rio e pelo fato de a capital paulista ter voos diretos para todas as capitais dos países da América do Sul. Outra forte candidatada é Lima, no Peru. 

Uma das alternativas analisadas era levar a decisão para a Flórida, nos EUA, onde há grande interesse por futebol e grande concentração de latinos. Essa alternativa está descartada. A final em jogo único, se houver, será na América do Sul.

Fonte: Com informações do Globoesporte.com
logomarca do portal meionorte..com