Daniel Alves mata a saudade da Seleção: "É sempre bom voltar"

Lateral-direito do Juve é um dos últimos atletas a se apresentar

Daniel Alves é mais um jogador à disposição de Tite para trabalhar com a seleção brasileira que está concentrada para os jogos contra Uruguai e Paraguai pela eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo. Um dos últimos a se apresentar ao treinador, na manhã desta terça-feira, o jogador do Juventus matou a saudade da equipe, que não joga desde novembro, e disse que o importante é voltar para a Europa com a classificação encaminhada para o Mundial da Rússia.

- Isso aqui sempre dá saudade. É sempre bom estar de volta, dar continuidade no trabalho aqui dentro, que vem sendo muito bem feito. Mas faltam ainda passos para chegarmos ao objetivo. Então, vamos aproveitar a vinda para sentenciar nosso objetivo e pensaremos em outros coisas mais à frente: ser uma melhor equipe e visando sempre o objetivo final – disse o lateral, ao chegar no hotel que a Seleção está concentrada em São Paulo.

Estrela maior da seleção brasileira, Neymar desembarcou um pouco antes, no início da manhã. A dupla que jogou lado a lado no Barcelona se reúne com os demais convocados para os dois difíceis compromissos que a Seleção terá pela frente. Líder com 27 pontos, o time brasileiro tem quatro de vantagem sobre o segundo colocado, justamente a Celeste, o próximo adversário.

A Seleção viajará nesta terça-feira à noite para Montevidéu, palco da partida de quinta contra o Uruguai, pela 13ª rodada das eliminatórias. A equipe comandada por Tite venceu os seis últimos embates que disputou (3 x 0 Equador, 2 x 1 Colômbia, 5 x 0 Bolívia, 2 x 0 Venezuela, 3 x 0 Argentina e 2 x 0 Peru), enquanto os uruguaios vêm de derrota para o Chile em Santiago (3 a 1).

Fonte: Com informações do Globoesporte.com