mais

Denilson fica com dinheiro de shows do "Belo in Concert", decreta Justiça

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) ordenou que o dinheiro arrecadado com a venda de ingressos dos shows do cantor seja repassado para Denilson

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) ordenou que o dinheiro arrecadado com a venda de ingressos dos shows 'Belo in Concert', realizados nos últimos dia 11 e 12 de junho pelo cantor Belo em celebração ao Dia dos Namorados seja repassado para o pagamento da dívida com o ex-jogador de futebol e comentarista esportivo Denílson.

De acordo com o Portal Ig, a decisão assinada pelo juiz de Direito Carlos Mazza Britto Melfi, "cabe o cumprimento da decisão judicial no sentido de promover a transferência dos valores obtidos com a venda dos ingressos referente a apresentação do nome 'Belo in Concert', o prazo improrrogável de cinco dias." A decisão foi despachada no último dia 17 de junho, portanto os valores devem ser depositados em contas judiciais nessa quarta-feira (23).

Belo deve pagar dívida com jogador Denilson após ordem do TJ-SP-Foto: ReproduçãoBelo deve pagar dívida com jogador Denilson após ordem do TJ-SP-Foto: Reprodução

Belo retomou aos palcos recentemente após uma longa temporada sem fazer shows em face da pandemia. Os shows do dia 11 e 12 em celebração ao Dia dos Namorados tiveram os ingressos esgotados. Os bilhetes foram vendidos a R$ 320 reais e foram limitados até 2 mil ingressos em razão dos protocolos adotados durante a pandemia.

Justiça decide quanto será repassado 

Apesar de tudo parecer correr bem para o cantor, Belo não esperava que o advogado de Denílson, dr Marcus Roberto Barreto estaria atento a agenda de show do músico para solicitar e sinalizar a penhora judicial. Ainda em relação à dívida, o avogado de Denílson confirma que o valor ainda supera o montante de R$ 9 milhões.

Denilson fica com dinheiro de shows do "Belo in Concert", decreta Justiça- Foto; Band/DivulgaçãoDenilson fica com dinheiro de shows do 'Belo in Concert', decreta Justiça- Foto; Band/Divulgação

Procurado pelo UOL, Denilson disse "não ter mais nada para falar sobre o assunto". "Um assunto que não mudou dos últimos anos. [O Belo] continua me devendo e eu continuo querendo receber", declarou.

Entenda a briga judicial

Entenda a briga judicial entre Denilson e Belo Denilson e Belo travam briga jurídica há mais de 20 anos. Antes disso, os dois eram amigos. Em 1999, Belo liderava o grupo de pagode Soweto, enquanto o ex-jogador havia assumido o gerenciamento da banda. Mas a parceria foi rompida em 2000, quando Belo deixou o Soweto para iniciar carreira solo. Denilson processou o cantor alegando quebra de contrato.

Em 2004, a Justiça condenou Belo a indenizar Denilson. Não cabem mais recursos. Com multas e correções, a dívida atual supera R$ 5 milhões.

*Informações do Ig

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail