Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Dueto de nado artístico é primeira seleção a treinar no Brasil

Planejamento do COB para todas as modalidades prevê que atletas deem sequência ao trabalho assim que retornarem ao país

Dueto de nado artístico é primeira seleção a treinar no Brasil
Atletas | Divulgação COB
Compartilhe

Nova etapa do planejamento elaborado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB/Divulgação)

Após três semanas de treinamentos em Portugal, o dueto brasileiro de nado artístico está de volta ao Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro. A equipe formada por Laura Miccuci, Luisa Borges e Maria Bruno, além da treinadora Twila Cremona, é a primeira seleção nacional que integrou a Missão Europa a retomar suas atividades em solo brasileiro, dando prosseguimento à preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio. 

“Iniciamos uma nova etapa do planejamento elaborado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), em conjunto com as confederações, que é a sequência do trabalho realizado no exterior. Todas as seleções que estiveram, estão ou ainda vão a Portugal devem ter um plano bem estruturado para que, ao retornarem da Missão Europa, sigam trabalhando da mesma forma. Foi assim com o dueto brasileiro, que evoluiu nos aspectos físico e técnico em Rio Maior, e agora dá continuidade à programação prevista no Maria Lenk”, explica o diretor de Esportes do COB, Jorge Bichara.

A equipe de nado artístico desembarcou no Rio de Janeiro no último domingo, 9 de agosto, e passou por novo exame PCR na segunda-feira. Após receberem os resultados na quarta – todos eles negativos –, elas não perderam tempo e fizeram o primeiro treinamento no Centro de Treinamento Time Brasil já nesta quinta-feira, 13. 

Apesar de Brasil e Portugal viverem momentos distintos no controle da pandemia, a seleção de nado artístico conseguirá manter a mesma rotina que vinha cumprindo em Rio Maior: treinos diários na piscina, das 8:30 às 12:30, seguidos de trabalhos físicos na sala de força do Maria Lenk. 

“Foi um dia bem legal. Só de podermos voltar a fazer o caminho de sempre e entrar novamente no Maria Lenk, que é a nossa segunda casa, foi uma sensação ótima. Demos continuidade ao trabalho que vinha sendo em Portugal, com as mesmas horas de treinamento e o mesmo trabalho de preparação física. Estamos seguindo todas as regras e muito focadas nos nossos objetivos”, diz a treinadora do dueto brasileiro, Twila Cremona.

As meninas do Brasil seguem em busca da classificação para os Jogos. A última chance será no Pré-olímpico Mundial, marcado para os dias 4 a 7 de março de 2021, em Tóquio, que distribui sete vagas olímpicas.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar