Ex-aliado de Eurico denuncia que a energia do Vasco foi cortada

Opositor ainda disse que os salários do clube estão atrasados

As eleições para a presidência do Vasco da Gama só acontecem em novembro, mas, os candidatos da oposição já esquentam os bastidores do clube há muito tempo. Fernando Horta, ex-aliado do presidente Eurico Miranda e presidente da escola de samba Unidos da Tijuca denunciou que o clube estaria sem energia e com os salários atrasados. 

O candidato da oposição utilizou o Twitter para falar sobre o assunto."O Vasco está sem luz desde ontem. Salários atrasados. Direitos de imagem atrasados. Eurico, deixe nosso clube”, postou ele.

Fernando Horta (Crédito: Reprodução)
Fernando Horta (Crédito: Reprodução)

De acordo com o Vasco da Gama, a energia foi reestabelecida ainda na terça-feira. O clube, no entanto, não confirmou se o fornecimento havia sido interrompido. Quanto ao atraso nos salários, o clube não se manifestou. 

Embora se considere de oposição, os demais oposicionistas de Eurico Miranda afirmam que Fernando Horta seria uma continuidade da gestão do atual mandatário do Vasco. Horta era vice-presidente geral do clube na gestão de Eurico até o mês passado, quando decidiu romper alegando não concordar com as práticas adotadas por Miranda. 

Fonte: Com informações do Uol
logomarca do portal meionorte..com