Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Com gol de Éverton Ribeiro, Flamengo vence o Botafogo por 1 a 0; vídeo

Botafogo, que chegou a cinco derrotas consecutivas na competição, permanece na penúltima colocação na tabela.

Compartilhe

Sem mostrar um futebol de encantar o torcedor, O Flamengo conseguiu superar o Botafogo no clássico carioca da 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com gol de Everton Ribeiro, no segundo tempo, o Rubro-Negro garantiu os três pontos e segue na briga pelo título. As informações são do Gazeta Esportiva.

Com 42 pontos, o Flamengo se igualou ao vice-líder Atlético-MG, mas está u posto atrás nos critérios de desempate. Já o Botafogo, que chegou a cinco derrotas consecutivas na competição, permanece na penúltima colocação na tabela, com apenas 20 pontos.

O caminho do Botafogo não será fácil nos próximos dias. Na quarta-feira, o Alvinegro visita o líder São Paulo no Morumbi, em jogo adiado da 18ª rodada. No sábado, encara o Inter no Beira-Rio.

A tabela para o Flamengo será mais tranquila. Sem jogos no meio de semana, o técnico Rogério Ceni terá oito dias para preparar o time para enfrentar o Santos. A partida será no domingo, novamente no Maracanã.

Everton Ribeiro comemora gol da vitória do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal)

O jogo - O Flamengo começou o jogo um pouco desatento e pressionado pelo Botafogo. O Alvinegro tentou marcar a saída de bola adversária e criou problemas. Contudo, o Rubro-Negro foi se soltando na medida que o Bota não conseguiu manter a pressão.

O primeiro tempo teve o Flamengo com amplo domínio da posse de bola, mas com dificuldade de penetrar no bloqueio alvinegro. O time da casa se defendia com quase todos os jogadores em seu campo esperando por uma chance no contra-ataque.

A primeira etapa, portanto teve poucas jogadas de gol. Na melhor chance do Flamengo, Arrascaeta lançou Bruno Henrique, que ficou cara a cara com Diego mas o chute rasteiro foi desviado pela zaga e saiu rente ao poste.

Bruno Henrique em ação na vitória do Flamengo sobre o Botafogo — Foto: André Durão 

O Bota chegou com perigo só nos acréscimos. Honda avançou livre pela direita e cruzou na área. Pedro Raul, de frente para o gol, bateu de primeira, mas Rodrigo Caio chegou a tempo e desviou.

O segundo tempo começou com o Botafogo bastante recuado e o Flamengo em cima. O jogo era quase um ataque contra defesa, com raras tentativas em velocidade do Alvinegro.

O gol finalmente saiu aos 9 minutos. Marcinho sofre a pressão do ataque do Flamengo e erra, entregando para Gerson. O meia rola para Everton Ribeiro, que bateu no canto e mandou pro fundo da rede.

O Botafogo tentou reagir mas não conseguiu mostrar capacidade de se organizar ofensivamente. A situação do Alvinegro piorou com a expulsão de Victor Luís, aos 39.

Mesmo com um a menos, o Botafogo chegou perto aos 43. Lucas Campos recebeu enfiada e ia entrar na área, mas foi puxado por Gustavo Henrique. O zagueiro do Flamengo matou o lance mas recebeu o cartão vermelho.

A falta foi marcada quase na linha da área pelo meio. Kalou betu forte, mas Diego Alves fez bela defesa e garantiu a vitória do Flamengo.


FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-RJ 0 X 1 FLAMENGO-RJ

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: Sábado, 05/12/2020
Horário: 17 Horas (Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartões amarelos: Rhuan (Botafogo); Everton Ribeiro (Fla)
Cartões vermelhos: Victor Luís (Bota); Gustavo Henrique (Fla)
Gols:
FLAMENGO: Everton Ribeiro, aos 9 min do 2º tempo

BOTAFOGO: Diego Cavalieri, Marcinho (Barrandeguy), Marcelo Benevenuto, Rafael Forster e Victor Luís; José Welison (Matheus Babi), Caio Alexandre (Luiz Otávio), Bruno Nazário (Lucas Campos), Keisuke Honda e Rhuan (Kalou); Pedro Raul
Técnico: Felipe Lucena (Auxiliar)

FLAMENGO: Diego Alves, Isla, Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Arrascaeta e Everton Ribeiro (Michael); Pedro (Rodrigo Muniz) e Bruno Henrique (Vitinho)
Técnico: Rogério Ceni



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar