Fluminense vence o Cruzeiro por 1 a 0 no Maracanã  e toma liderança do Corinthians

Fluminense vence o Cruzeiro por 1 a 0 no Maracanã e toma liderança do Corinthians

Com o resultado, o time de Muricy chegou a 22 pontos - um a mais que o time corintiano

A torcida do Fluminense presente ao Maracanã gritou o nome de Cuca antes da partida desta quinta-feira contra o Cruzeiro, mas dentro de campo a vitória foi de Muricy Ramalho. No reencontro com o técnico que comandou o time tricolor na fuga do rebaixamento em 2009, a equipe carioca venceu por 1 a 0, com gol do zagueiro Leandro Euzébio, e tirou do Corinthians a liderança do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time de Muricy chegou a 22 pontos - um a mais que o time corintiano, que perdeu para o Atlético-GO por 3 a 1 na última quarta-feira. Já o Cruzeiro parou nos 15 pontos e caiu para a sétima colocação, um ponto atrás do G-4.

A partida começou acelerada, com chances para ambos os lados. Logo aos 2min, Gilberto deu grande passe para Rômulo, que ajeitou de primeira para Wellington Paulista, mas o atacante bateu em cima de Fernando Henrique. Com 8min, veio a resposta tricolor: após bate-rebate na área, a bola sobrou para Gum, mas o chute do zagueiro desviou na cabeça de Wellington Paulista.

Com mais posse de bola, o time mineiro tinha Gilberto em uma noite inspirada para armar jogadas. Aos 13min, o camisa 10 limpou a marcação de dois adversários e tocou para Wellington Paulista, que bateu para nova defesa de Fernando Henrique. No rebote, o próprio Gilberto chegou finalizando para fora de pé direito. Dois minutos depois, o Fluminense ameaçou em cabeçada de Leandro Euzébio após cobrança de escanteio, mas Fábio pegou.

O ritmo do jogo foi diminuindo, mas o Cruzeiro continuava dominando as ações no Maracanã. Aos 24min, Gilberto tocou de letra para Everton, que girou sobre a marcação e bateu para mais uma ótima defesa de Fernando Henrique. Os cariocas finalmente ameaçaram com a bola rolando aos 24min, quando Mariano descolou lindo lançamento para Carlinhos, mas o lateral esquerdo bateu mascado e facilitou a defesa de Fábio.

Melhor em campo, Gilberto sentiu lesão aos 36min e deu lugar a Marquinhos Paraná. Sem seu armador, o Cruzeiro parou de levar perigo e quase foi para o intervalo em desvantagem. Aos 44min, Conca deu passe preciso para Carlinhos na área e o camisa 6 soltou a bomba, mas Fábio espalmou bem para escanteio.

A equipe celeste teve a primeira boa chance da segunda etapa aos 4min, em chute forte de Thiago Ribeiro que parou de novo em Fernando Henrique. Porém, foram os tricolores quem abriram o placar. Conca bateu escanteio da esquerda aos 8min e Leandro Euzébio subiu sozinho para cabecear firme no canto de Fábio, que só assistiu à rede balançar.

O Cruzeiro se lançou ao ataque e Marquinhos Paraná apareceu bem na área para chutar com muito perigo para fora aos 17min. Pouco depois, o técnico Cuca colocou o atacante Robert no lugar do volante Fabrício e partiu para o tudo ou nada. Porém, o time perdeu força no meio de campo e a bola passou a chegar com pouca frequência nos homens de frente.

FICHA TÉCNICA

Fluminense 1 x 0 Cruzeiro

Gol

Fluminense: Leandro Euzébio, aos 8min do 2º tempo

Ponto Forte do Fluminense

Usou bem a bola aérea e a movimentação constante de Conca no meio de campo

Ponto Forte do Cruzeiro

Dominou a posse de bola no início, enquanto Gilberto esteve em campo

Ponto Fraco do Fluminense

Atuação apagada dos atacantes, principalmente Fred, que pouco pegou na bola

Ponto Fraco do Cruzeiro

Se perdeu no segundo tempo, com o meio muito distante do ataque

Personagem do jogo

Leandro Euzébio, autor do gol que colocou o Fluminense no topo do Brasileiro

Esquema Tático do Fluminense

3-5-2

Fernando Henrique; Gum, André Luís e Leandro Euzébio; Mariano, Diogo, Diguinho, Conca (Marquinho) e Carlinhos; Rodriguinho (Alan) e Fred. Técnico: Muricy Ramalho

Esquema Tático do Cruzeiro

4-4-2

Fábio; Rômulo, Gil, Caçapa e Diego Renan; Fabrício (Robert), Henrique, Everton (Reina) e Gilberto (Marquinhos Paraná); Wellington Paulista e Thiago Ribeiro. Técnico: Cuca

Cartões amarelos

Fluminense: André Luís, Diguinho, Leandro Euzébio e Carlinhos

Cruzeiro: Fabrício, Marquinhos Paraná, Wellington Paulista e Gil

Árbitro

Wilton Pereira Sampaio (DF)

Local

Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Fonte: Terra, www.terra.com.br
logomarca do portal meionorte..com