Follmann viaja para iniciar adaptação com prótese na perna

O goleiro afirmou que seu maior sonho é voltar a andar.

Último sobrevivente da tragédia com o voo da Chapecoense a deixar o hospital, o goleiro Jackson Follmann viajou para São Paulo na manhã desta segunda-feira para um novo desafio. Como teve a perna direita amputada, o jogador terá que fazer uma prótese e reaprender a andar. A noiva do atleta, Andressa Perkovski, publicou uma foto com o atleta dentro do avião.

O jogador deve ficar entre uma semana e dez dias em São Paulo, e retornará para Chapecó. Ficará entre as duas cidades até que o processo de reabilitação seja concluído. Isso deve durar cerca de 40 dias, conforme havia adiantado o médico da Chapecoense, Edson Andre Stakonski.

Na semana passada, no programa “Encontro com Fátima Bernardes”, o jogador afirmou que o seu maior desejo é voltar a caminhar sozinho:

"Meu sonho é poder ficar em pé, caminhar sozinho, poder ir ao banheiro sozinho, sair com a minha noiva. Eu sinto falta disso. O meu sonho é poder caminhar. E até o final de fevereiro, eu quero estar caminhando", afirmou.


Fonte: Com informações do Extra