mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Grêmio pressiona, mas para na defesa do Inter e jogo fica no empate

O jogo pela 5ª rodada do campeonato aconteceu neste sábado (12)

Grêmio pressiona, mas para na defesa do Inter e jogo fica no empate
Grêmio pressiona, mas para na defesa do Inter e jogo fica no empate | Reprodução

O Grêmio martelou, martelou, martelou. Mas não conseguiu confirmar o favoritismo e parou na fortaleza defensiva do Inter na tarde deste sábado, na Arena, e empatou o Gre-Nal 416 em 0 a 0, pela quinta rodada do Brasileirão. O resultado diminui os efeitos da crise colorada e dá sobrevida ao técnico Odair Hellmann. Do outro lado, fica o gosto amargo para os mais de 50 mil tricolores que foram ao estádio e viram o time mais próximo do gol.

Mesmo com o empate, o Grêmio chega ao segundo lugar, com oito pontos, mas deve perder posições até o fim da rodada, bem como o Inter, que fica em 13º, com cinco. O Tricolor volta a campo na próxima terça-feira, às 21h30, contra o Monagas, pela quinta rodada da Libertadores, na Venezuela. No Brasileirão, enfrenta o Paraná no domingo seguinte, fora de casa, às 16h. O Colorado terá mais de uma semana sem jogos, já que recebe a Chapecoense, no Beira-Rio, na segunda-feira, dia 21. O duelo será às 20h.

O 0 a 0 da etapa inicial foi uma síntese de uma partida com poucos lances de ataque. O Grêmio ficou com a posse de bola, mas as trocas de passes se tornaram infrutíferas pelo posicionamento colorado. Da intermediária defensiva para trás, os comandados de Odair Hellmann pouco deram espaço. Aos 28 minutos, um lance polêmico. Fabiano derrubou Cortez na área, mas o árbitro Wilton Pereira Sampaio entendeu o lance como normal.

O Grêmio voltou do intervalo ainda mais em cima. No primeiro minuto, André recebeu de Luan quase na pequena área e mandou por cima. Rossi respondeu em chute para fora aos 11. Mas o domínio tricolor voltou a prevalecer, e Madson perdeu duas boas chances. Primeiro, ao mandar sobre o gol, livre dentro da área. Depois, em cabeçada após cobrança de escanteio de Luan. No rebote, Geromel furou. Aos 36, Luan arriscou de longe e assustou Danilo Fernandes. Ao final, do jogo, sobrou confusão entre jogadores e até sinalizador em campo.

Sem D’Alessandro, o Inter optou por uma estratégia recuada, na intermediária defensiva, em busca dos contra-ataques. O Grêmio ficou de dono da bola, com 67% de posse, mas enfrentou dificuldades para infiltrar na área. Responsáveis pela criação tricolor, Arthur e Maicon foram vigiados de perto por Patrick e Zeca, enquanto Rodrigo Dourado fechou a região central. Além disso, o Colorado contou com uma atuação impecável do zagueiro Rodrigo Moledo.

Com um desconforto na coxa esquerda, D’Alessandro foi vetado para a partida. A ausência do capitão refletiu tanto dentro quanto fora de campo. Além de ver seu líder no banco de reservas, o torcedor observou mais uma vez a falta do argentino. Com Rossi, o Inter marcou muito, mas perdeu em organização no meio de campo, sem algum jogador capaz de fazer o mesmo que D’Ale.

Antes de a bolar rolar, o árbitro Wilton Pereira Sampaio ergueu o braço para o respeito a um minuto de silêncio pela morte de Fábio Koff, maior presidente da história do Grêmio. Em agradecimento aos feitos do dirigente, a Arena inteira irrompeu em aplausos incessantes até o apito inicial do clássico. Uma faixa com "Obrigado, Koff" foi erguida na arquibancada. Os jogadores tricolores e o técnico Renato Gaúcho vestiram camisetas com a mesma mensagem e usaram uma tarja preta no braço.

Aos 35 minutos do segundo tempo, Danilo Fernandes fez uma bela defesa em cabeçada à queima-roupa de Madson após escanteio cobrado por Luan. No rebote, porém, o zagueiro Pedro Geromel poderia empurrar para o gol, mas furou em bola na pequena área e deixou a torcida no quase.

Mesmo que tenha jogado a maior parte do tempo acuado defensivamente, o Inter conseguiu sair em alguns contra-ataques. No primeiro tempo, Leandro Damião finalizou duas vezes ao gol de Marcelo Grohe. No segundo, Rossi bateu cruzado e assustou o goleiro tricolor. Mas ficou por isso.

Aos 28 minutos do primeiro tempo, Bruno Cortez tabelou com Maicon pelo lado esquerdo e invadiu a área para receber na cara do gol. Ele foi tocado por Fabiano e desabou. Os gremistas pediram pênalti com veemência. O árbitro Wilton Pereira Sampaio mandou seguir.

No último lance da partida, Luan ergueu a bola na área do Inter, a defesa colorada parou bem a jogada. Mas o que chamou a atenção foi um sinalizador arremessado por um torcedor gremista à pequena área de Danilo Fernandes. Revoltados, alguns fãs que estavam na arquibancada identificaram o rapaz e tentaram agredi-lo.

Tópicos

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail