Milton Mendes quer liberar medalhões e usar mais a base

Zagueiro Rodrigo já foi dispensado pelo clube

A tão falada reformulação do elenco do Vasco que pode originar inclusive a saída de medalhões, como o zagueiro Rodrigo e o meia Nenê, caminha em paralelo aos planos do técnico Milton Mendes de utilizar ainda mais os atletas revelados nas categorias de base de São Januário. O desejo do treinador é visto com muitos bons olhos pelos dirigentes, inclusive pelo presidente Eurico Miranda.

Desde que chegou ao clube Milton Mendes mostrou um certo incômodo com a média de idade do elenco vascaíno. Vários jogadores com idade superior a 30 anos refletia no estado físico do time dentro de campo. Por isso começou a fazer algumas modificações e pretende usar no Campeonato Brasileiro muitos atletas revelados nas categorias de base.

Milton Mendes promove mudanças no grupo cruzmaltino (Crédito: Reprodução)
Milton Mendes promove mudanças no grupo cruzmaltino (Crédito: Reprodução)

Milton já conversou com alguns desses jovens que estão integrados ao elenco e avisou que a disputa está aberta. Peças como o zagueiro Ricardo, o lateral-esquerdo Alan, o volante Andrey e o meia Matheus Pet terão mais oportunidades.

O treinador vascaíno ainda pretende promover a subida de alguns jovens que estão se destacando pelo time sub-20, como o volante Bruno Cosendey, o meia Dudu e os atacantes Robinho e Paulo Vitor.

"O nosso objetivo sempre é olhar para as categorias de base, ainda mais em um clube do porte do Vasco da Gama, acostumado a revelar grandes talentos e a contribuir muito com o crescimento do futebol brasileiro", disse Milton.

Dentro de campo, o elenco segue se preparando para o Brasileiro e a estreia está prevista para o dia 14 de maio, no choque contra o Palmeiras marcado para o Allianz Parque, em São Paulo (SP).

Fonte: Com informações da Espn