Pressão: Itália precisa ganhar a Suécia para conseguir ir à Copa

O clima em todo o país é de muita tensão.

Já imaginou uma Copa do Mundo sem a Itália? A seleção tetracampeã, que disputou todas as edições do torneio desde 1958... Pois nada disso conta neste momento. O risco de tal zebra acontecer é real. E é principalmente graças à fraca atuação que o time comandado por Giampiero Ventura teve no jogo de ida contra a Suécia na última sexta-feira, em Estocolmo, pela repescagem europeia. Os suecos venceram por 1 a 0 e agora jogam pelo empate em Milão, nesta segunda, para garantir vaga no Mundial da Rússia.

O clima em todo o país é de muita tensão. Críticos do técnico e da equipe, os italianos estão preocupados e pouco confiantes na reviravolta. Tanto imprensa quanto torcida. A possível não ida à Copa, que só aconteceu duas vezes até hoje - em 1930, por desistência, e 1958, curiosamente quando a competição ocorreu na própria Suécia -, está sendo tratada como "tragédia nacional".

“Eu estava muito confiante dias atrás, antes do primeiro jogo, mas tenho que ser honesto e agora não estou mais, porque a última atuação não foi nem um pouco boa. A Itália jogou muito mal. Os jogadores estavam assustados, estáticos. Não vi neles vontade de vencer, de conquistar a vaga na Copa. Então, não estou muito confiante e não sei o que esperar. Não ir à Copa seria uma tragédia nacional”, disse o jornalista Federico Thoman.

Chance de último jogo de Buffon pela Itália

Para evitar essa tragédia, a seleção italiana conta com a força da torcida e do estádio San Siro. São esperadas mais de 70 mil pessoas apoiando a Azzurra. A grande maioria esboça alguma confiança, mas acaba deixando escapar a ansiedade e a preocupação. E a tradicional forte defesa italiana não será suficiente desta vez. É preciso balançar as redes.

- Sou confiante sempre com a Itália. Vi o primeiro jogo, e a Suécia não me pareceu uma grande equipe. Se não nos classificarmos à Copa... Não sei. A verdade é que talvez seja melhor ser eliminado do que passar vergonha na Copa. Mas não dá para torcer para não nos classificarmos - disse um torcedor italiano.

O duelo decisivo entre Itália e Suécia está marcado para as 17h45 (horário de Brasília) desta segunda. A Azzurra precisa vencer por dois gols de diferença para conquistar a vaga na Copa - vale a regra dos gols fora de casa como critério de desempate. Se vencer por 1 a 0, levará a decisão para a prorrogação.


Fonte: Com informações do Globoesporte.com
logomarca do portal meionorte..com