Ronaldinho Gaúcho fala do futuro e não sabe se vai parar de jogar

O atleta não entra em campo de forma oficial desde que deixou o Flu

Mesmo com uma proposta em mãos do Coritiba, Ronaldinho Gaúcho ainda não definiu o seu futuro. A principal dúvida do meia é se ele anuncia a aposentadoria agora ou se joga mais um ano ou apenas seis meses. O craque, que já foi eleio duas vezes o melhor do mundo (2004 e 2005), descartou virar dirigente quando pendurar as chuteiras.

Image title

O atleta não entra em campo de forma oficial desde que deixou o Fluminense, em setembro de 2015. Todas as partidas que realizou nos últimos 16 meses foram amistosos ou jogos festivos, quase todos pagos pelos times que o convidaram.

"Não me vejo como dirigente e nem penso. Ainda não sei o que vou fazer. Se vou jogar mais um ano, se vou jogar mais seis meses ou se não vou jogar, se vou parar. Vou decidir isso daqui a pouco", afirmou Ronaldinho Gaúcho, em entrevista à “ESPN Brasil”.

Por enquanto, R10 segue em turnê pela Europa e nos últimos dias está na França, onde visitou o Paris Saint-Germain, o seu primeiro clube na Europa. Além disso, o meia deve ser oficializado em breve como embaixador do Barcelona no mundo, conforme anunciou o jornal espanhol “Mundo Deportivo”.

Tridentes do Barcelona

Ronaldinho aproveitou para comparar o trio MSN - formado por Messi, Suárez e Neymar - com o tridente que tinha ele, o argentino e o camaronês Samuel Eto'o. Para o meia, o trio da sua época é melhor que o atual.

"Os dois tridentes fizeram história com o clube, cada um em seu tempo. Mas eu prefiro o meu, formado com Eto'o e Messi (risos)", afirmou ao canal brasileiro.

Por outro lado, ele disse que Neymar levará a futebol brasileiro ao topo.

"Neymar já integra o meio com os melhores. Eu acho que um dia vai ser um dos melhores do mundo. Os brasileiros esperam que isso aconteça, porque é o nosso melhor jogador. Aposto duro por ele", disse o jogador.

Fonte: Com informações do Jornal Extra
logomarca do portal meionorte..com