Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Saiba quais as premiações dos títulos para cada clube

R$ 33 mi por Libertadores, R$ 28 mi por Brasileirão, e chegará a R$ 6.2 mi por rodadas no G-4. Valores saem de cotas da CBF e Conmebol.

Compartilhe
Google Whatsapp

Um lugar na história, cofre cheio e profissionais muito bem recompensados. O "bicho" foi combinado entre dirigentes e líderes do elenco antes mesmo do início das competições. As recompensam "se pagam", uma vez que serão retiradas das próprias premiações que são oferecidas pela Conmebol e pela CBF. 

Premiação para o clube

Libertadores - 22 milhões de dólares (R$ 91 milhões)

Brasileirão - R$ 33 milhões

Fornecedor - R$ 1,3 milhão pelo Brasileirão / R$ 2 milhões pela Libertadores

Total: 127,3 milhões

No Brasileirão, há ainda um mimo extra estipulado: R$ 200 mil por cada rodada no G-4. O montante já chegou a R$ 5 milhões, uma vez que o Flamengo esteve entre os que se classificam direto para Libertadores de 2020 em 25 das 32 rodadas disputadas até aqui. A conta chegará a 31 rodadas, totalizando R$ 6,2 milhões. Com 77 pontos, o Rubro-Negro não será mais alcançado pelo São Paulo, que está em quinto, com 52.

Premiação para os jogadores

Libertadores - R$ 33 milhões

Brasileirão - R$ 28 milhões

Rodadas no G-4 - 25 rodadas até o momento. Chegará a R$ 6.2 mi com mais seis rodadas

Total: R$ 67,2 milhões

Para o título do Brasileirão, a recompensa é de R$ 28 milhões dos R$ 33 milhões que são pagos pela CBF. O valor será dividido entre jogadores, comissão técnica e funcionários do departamento de futebol, com percentuais distintos. Quem jogou mais vezes, naturalmente recebe mais.

O clube receberá ainda aditivos previstos em contrato com patrocinadores em caso de título. O acordo de dez anos com o fornecedor de material esportivo assinado em 2012, por exemplo, prevê pagamento de R$ 1,3 milhão em caso de título do Brasileirão entre o sexto e décimo ano do contrato. Já o montante pago pela Libertadores é de R$ 2 milhões.

Ao campeão da competição mais importante das Américas, a Conmebol dará um prêmio de 22 milhões de dólares (R$ 91 milhões) somando todas as fases. O Flamengo deixou combinado que R$ 33 milhões deste montante será revertido em bicho.

Flamento já levantou o título em 2019. Foto: André Durão.

Sendo assim, em caso de títulos do Brasileirão, da Libertadores, além das muitas rodadas no G-4, a premiação total para elenco, comissão técnica e funcionários chegará a R$ 67,2 milhões de acordo com o combinado no início da temporada.

Para levar o Brasileirão antecipadamente já no próximo fim de semana, o Flamengo precisa vencer o Vasco, quarta-feira, em partida antecipada da 34ª rodada, o Grêmio no domingo, em Porto Alegre, e torcer por um tropeço do Palmeiras, diante do Bahia, em Salvador. Com 77 pontos, o Rubro-Negro lidera com dez de vantagem para os paulistas.

Já a Libertadores será decidida no dia 23 de novembro, no estádio Monumental de Lima, às 17h (de Brasília), contra o atual campeão River Plate.



Siga nosso canal no telegram
Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se