São Paulo goleia Boca Raton em novo teste antes do Torneio

Tricolor faz 9 a 2 sobre time dos Estados Unidos em jogo-treino

O São Paulo venceu o Boca Raton por 9 a 2, em jogo-treino realizado neste domingo, em Bradenton, cidade onde a equipe faz sua pré-temporada nos Estados Unidos. Os gols do Tricolor foram marcados por Wesley, Luiz Araújo, Buffarini e Chavez no primeiro tempo, e por Gilberto, Neilton, João Schmidt, Shaylon e Cueva no segundo.

Sob o esquema 3-4-1-2 (variando para 3-4-3) que vem utilizando nos treinamentos, o técnico Rogério Ceni escalou a equipe da seguinte forma para começar a partida: Sidão; Maicon, Rodrigo Caio e Breno; Bruno, Araruna, Thiago Mendes e Buffarini; Wesley; Luiz Araújo e Chavez.

O Tricolor saiu na frente com Wesley, mas sofreu um susto. Primeiro em falha de Sidão, que deu bola de presente para o atacante adversário, e depois com erro de Breno, que vacilou na saída de bola, o São Paulo permitiu a virada dos norte-americanos. 

Porém, a equipe de Rogério Ceni reagiu rapidamente, e retomou o controle da partida. Primeiro, Luiz Araújo aproveitou um rebote em chute de Wesley para empatar. Buffarini virou, com um belo chute de fora da área, e Chavez fechou o placar na primeira etapa. 

Um fator que chamou a atenção na metade inicial do jogo-treino foi o posicionamento de Rodrigo Caio. O jogador não permanecia somente na linha de zaga ao lado de Maicon e Breno. Em diversos momentos, avançava como volante.

Para o segundo tempo, Rogério Ceni escalou o time da seguinte forma, no 4-3-3: Denis; Foguete, Lugano, Lucão e Júnior Tavares; Wellington, João Schmidt e Shaylon; Neilton, Gilberto e Cueva.

A vantagem aumentou logo nos primeiros minutos. Gilberto marcou o quinto e deu assistência para Neilton fazer o sexto. Dominante, o São Paulo ainda ampliou com João Schmidt e Shaylon antes de duas alterações em meio à etapa complementar: Cícero e Douglas entraram nos lugares de Wellington e Lugano. 

Com as mudanças, Cueva saiu do ataque para o meio-campo, enquanto Neilton passou a jogar aberto na esquerda e Shaylon na direita. A equipe ganhou velocidade e o jogo ficou mais tranquilo do que na primeira etapa, quando Maicon chegou a levar cartão amarelo após uma entrada mais forte. O último gol foi marcado por Cueva, em cobrança de pênalti.

Todos os jogadores estavam à disposição de Rogério Ceni. Além de Thiago Couto e Lucas Fernandes, que já não jogariam, o atacante Wellington Nem também não foi utilizado. 

O São Paulo volta a campo para sua estreia no Torneio da Flórida, na próxima quinta-feira, às 22h (horário de Brasília), contra o vencedor de River Plate (Argentina) e Millonarios (Colômbia), que se enfrentam neste domingo, em Orlando. 


Image title

Image title

Fonte: Com informações do Globoesporte.com