Suárez não foi à evento da Fifa por punição de mordida na Copa

Suárez pegou um gancho de nove partidas sem jogar pelo Uruguai.

Antes mesmo de os jogadores do Barcelona anunciarem que não compareceriam à cerimônia de gala da Fifa, o atacante Luis Suárez já tinha decidido que não iria. De acordo com o jornal “La Nación”, o uruguaio tomou essa decisão por causa da suspensão que sofreu após morder o zagueiro italiano Chiellini na Copa do Mundo de 2014.

Segundo a publicação, a decisão de Suárez não está relacionada com as ausências inesperadas do argentino Lionel Messi e dos espanhóis Andrés Iniesta e Gerard Piqué. Seria a primeira vez que o jogador se reuniria com dirigentes das Fifa desde o Mundial do Brasil, já que na temporada passada ele não assistiu à cerimônia e muito menos foi indicado ao 11 ideal.

Suárez pegou um gancho de nove partidas sem jogar pela seleção do Uruguai e ainda foi proibido de treinar e fazer qualquer atividade esportiva por quatro meses. No total, o craque permaneceu um ano e nove meses suspenso.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Extra
logomarca do portal meionorte..com