Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Thiago Santos deve mudar característica do Palmeiras na Libertadores

Alteração no meio de campo obriga Verdão a procurar alternativas na saída de jogo.

Compartilhe
Google Whatsapp

A suspensão de Felipe Melo abre espaço para a entrada de Thiago Santos no time titular do Palmeiras na partida contra o Grêmio, na próxima terça-feira, às 21h30, no Pacaembu, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa Libertadores.

Em entrevista coletiva ainda em Porto Alegre, Felipão indicou que Thiago Santos deve ser o substituto de Felipe Melo. Até porque as outras opções disponíveis (Matheus Fernandes, Jean e Ramires) fazem mais a função desempenhada por Bruno Henrique.

Thiago Santos e Felipe Melo na Academia de Futebol do Palmeiras — Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

.Em características, o Palmeiras até mantém poder de marcação à frente dos zagueiros, ganha em velocidade na cobertura, mas perde em qualidade na saída de bola.

De acordo com números do Footstats, Felipe Melo tem 90,5% de desarmes certos na Libertadores (19 acertos e dois erros em nove partidas). Ele também lidera entre os palmeirenses o índice de passes (283 acertos), o que indica que muito da ideia de jogo de Felipão na competição sul-americana passa pelos pés do volante.

Na Libertadores, Thiago Santos entrou em campo quatro vezes, mas não atuou por mais de um tempo. Ele foi titular apenas na partida contra o San Lorenzo, na Argentina, quando foi substituído no intervalo. Nos outros jogos, participou no segundo tempo contra Junior Barranquilla, Melgar e Grêmio.

No Campeonato Brasileiro, o volante tem 20 roubadas de bola e 22 faltas cometidas em dez partidas, números superiores aos de Felipe Melo.

Além do jogo contra o Grêmio, na próxima terça-feira, Felipe Melo corre o risco de ficar mais tempo fora do time. Na sexta-feira, ele será julgado no STJD pela expulsão contra o Bahia e corre o risco de pegar um gancho de até 12 partidas.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se