Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Garoto que ajudou no resgate dos corpos é chamado de anjo da Chape

Johan Ramírez foi um dos primeiros a chegar no local do acidente

Garoto que ajudou no resgate dos corpos é chamado de anjo da Chape
chape | divulgação
Compartilhe
Google Whatsapp

Pouco mais de três meses depois do acidente que deixou 71 mortos aos arredores de Medellín, Johan Alexis Ramírez, de 15 anos, teve relevantes mudanças em sua vida. O jovem foi um dos voluntários que ajudou no resgate das vítimas do voo que levava a delegação da Chape em direção à Colômbia.


Johan e seu pai ajudaram os socorristas para que chegassem mais rápido ao local do acidente, já que conheciam atalhos. O garoto colombiano ainda ficou conhecido como "Anjo da Chape " e chegou a ser homenageado pelo conterrâneo James Rodríguez, camisa 10 do Real Madrid.

"Minha vida mudou muito (após o acidente) porque várias pessoas me ajudaram com muitas coisas. A solidariedade te dá recompensas", disse o jovem à "Folha de S. Paulo".

 src=


Johan Ramirez recebeu bolsa de estudos e teve sua casa, localizada na região de Antioquia, reformada. Sob responsabilidade da fundação local Compasión, que apoia agricultores, a residência que antes parecia um barraco apertado, ganhou novos cômodos e móveis. No terreno, 71 mudas foram plantadas, em homenagem ao número de mortos no acidente.

Em dezembro do ano passado, o colombiano foi condecorado com a Ordem de Rio Branco, no Palácio do Planalto, em Brasília. Ele e outros civis e militares do país foram homenageados pelo presidente Michel Temer, devido aos serviços meritórios e virtudes cívicas no resgate. Na ocasião, Johan Ramirez recebeu ainda uma camisa da seleção brasileira de futebol com seu nome.

Resgate

No momento do acidente, o jovem colombiano estava assistindo televisão em sua casa, na companhia de seu pai, Miguel Ramirez. O terreno está localizado a quatro minutos do local onde ocorreu o choque do avião com o morro, nomeado Cerro Chapecoense.

Por conhecerem os arredores, contribuíram com os socorristas. "Conhecíamos o caminho e indicamos o mais fácil. Eles estavam abrindo o caminho pelo morro e iriam demorar muito", conta o "Anjo da Chape".



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×