Vettel ganha na Hungria e abre na liderança da Fórmula 1

Com um problema de saúde, Felipe Massa não participou do GP

Sebastian Vettel voltou a vencer na temporada 2017 na Fórmula 1. No 11º GP do ano, o último antes das férias de um mês, o alemão ganhou a etapa da Hungria e conseguiu uma folga na liderança do Mundial.

Ele contou com a ajuda do companheiro de Ferrari, Kimi Raikkonen, que tinha um desempenho melhor do seu carro, mas atuou como escudeiro ao segurar a aproximação de Lewis Hamilton.

O britânico, por sinal, fez um acordo de cavalheiros com Valtteri Bottas na Mercedes: o finlandês deixou o tricampeão passar para tentar buscar Raikkonen; como não conseguiu, Hamilton devolveu o lugar no pódio para o parceiro e acabou em quarto.

Sebastian Vettel à frente de Kimi Raikkonen durante o GP da Hungria (Crédito: Reprodução )
Sebastian Vettel à frente de Kimi Raikkonen durante o GP da Hungria (Crédito: Reprodução )

Companheirismo, por sinal, faltou na Red Bull.

Daniel Ricciardo acabou abandonando ainda na primeira volta após Max Verstappen errar na curva ao tentar ultrapassá-lo e tocá-lo, avariando seu pneu traseiro esquerdo.

Com o resultado, Sebastian Vettel chega à 46ª vitória na F-1 e sobe para 202 pontos no Mundial; Lewis Hamilton tem agora 188, enquanto Valtteri Bottas chega a 169.

O GP em Hungaroring não teve Felipe Massa, que passou mal durante o final de semana por conta de uma labirintite viral, e o Brasil não teve um representante sequer em uma corrida pela primeira vez desde 1982.

Agora, a Fórmula 1 volta apenas 27 de agosto no GP da Bélgica.

Fonte: Com informações da Espn