Zé Ricardo pede medidas duras após clima de guerra em São Januário

O técnico desabafou sobre a violência.

O técnico Zé Ricardo falou mais sobre a confusão em São Januário depois do clássico entre Flamengo e Vasco do que sobre a boa fase do time e a partida de quinta-feira contra o Grêmio. Segundo o treinador, se nenhuma medida dura for tomada novas cenas de violência vão se repetir. Mas a interdição não resolve o problema.

- Logicamente que a solução não é essa. Não é a causa, é o efeito. A solução é mais profunda.Tem que ter conscientização de todos os envolvidos, CBF, segurança. Tomar decisões firmes para que isso não volte a acontecer. Daqui a pouco a gente vai ter uma tragédia. Se não tomar uma decisão mais firme vai voltar a acontecer. Inteditar estádio ou não ter torcida é só mais uma ferida para o nosso futebol - afirmou, em entrevista coletiva nesta segunda-feira, já que a de sábado foi cancelada.

O técnico desabafou sobre a violência e também projetou o jogo com os gaúchos na Ilha do Urubu. Mas sem esquecer de ressaltar a vitória sobre o Vasco.

- O resultado ficou em segundo plano devido aos acontecimentos. Tivemos poder de superação depois de uma viagem. Não foi um jogo tão interessante mas precisávamos jogar com concentração. A vitória foi merecida. Ainda precisamos melhorar. Mas envolvia aspectos não só de campo, por conta da rivalidade. Infelizmente a gente acabou presenciando aquelas cenas no final. Esperamos repetir o espírito do jogo contra o Grêmio - disse o técnico.


Fonte: Com informações do Extra
logomarca do portal meionorte..com