Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

COMPRE AQUI SEU ABADÁ
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Banco de Alimentos arrecada mais de 140 toneladas em doações

25 entidades filantrópicas são beneficiadas

Compartilhe

O Banco de Alimentos da Nova Ceasa recebeu 141,611 toneladas de alimentos no primeiro semestre de 2019, doadas pelos permissionários que atuam no entreposto piauiense. Desse total, 111,430 toneladas foram destinadas para 25 entidades beneficiadas pelo projeto social, segundo relatório divulgado nesta quarta-feira (9). Os alimentos repassados para cerca de 6.000 pessoas em situação de vulnerabilidade social são avaliados pela equipe técnica do Banco de Alimentos.

Com o objetivo de combater a fome e o desperdício de produtos, o banco recebe doações de alimentos que estão maduros e que poderiam ser descartados por conta do risco de desperdício. “Trabalhamos com produtos que estão com qualidade nutricional preservada e aptos para o consumo humano. O banco assume a responsabilidade dos alimentos doados, distribui rapidamente e presta contas aos doadores sobre o destino dos mesmos. Entregamos tudo higienizado e pronto para o consumo”, explica Janice Lustosa, responsável técnica do Banco de Alimentos. “E tem um detalhe importante: aquilo que não conseguimos reaproveitar vira ração animal, ou seja, nada é desperdiçado”, acrescenta Janice..


Segundo o relatório, os principais produtos arrecadados e distribuídos pelo projeto, neste primeiro semestre, foram banana, laranja, tomate, batata inglesa e cenoura. “O balaço desse período foi muito positivo. As parcerias com permissionários da Nova Ceasa estão cada vez melhores e isso ajudou muito a crescer as doações para as entidades cadastradas. Para a gente, não tem alegria maior que essa: ver pessoas carentes recebendo, com muita festa, frutas e verduras para suas refeições”, afirma Michele Carvalho, funcionária do Banco de Alimentos que, diariamente, recolhe arrecadações no mercado.


Para Gardênia Moura, presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), uma das entidades assistidas pelo projeto social, "as doações são uma benção em nossas vidas. Uma vez que, por dia, a Apae alimenta cerca de mil pessoas em todas as três unidades da instituição. Com esta parceria, conseguimos atender a todos e dividimos para os três anexos. Quando chega, enviamos para a Escola de Surdos Consuelo Pinheiro, o Centro de Referência da Pessoa com Deficiência e o Centro de Microcefalia. Todos os dias agradecemos a Deus por essa parceria".


Gabriel Pinheiro é permissionário da Nova Ceasa e afirma que doar para o Banco de Alimentos é algo que faz parte da sua rotina de trabalho. "É algo que fazemos com muito amor e carinho, pois sabemos da importância desse projeto social que atende milhares de famílias carentes. Antes do Banco de Alimentos, muitos alimentos iam para o lixo, lamentavelmente", disse o comerciante que vende bananas no local.    


As doações podem ser feitas diretamente ao banco, situado na Nova Ceasa – Av. Henry Wall de Carvalho, 5000, Tabuleta. Para mais informações, ligue (86) 3220-7788.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar