Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Abrigo enfrenta desafios para reduzir impactos da pandemia

Idosos utilizam outros meios para falar com familiares e amigos

Compartilhe

As pessoas acima dos 60 anos estão mais propensas a terem complicações quando infectadas pela Covid-19. Com essa condição, desde meados de março, abrigos e centros de acolhimento de Teresina passaram a adotar medidas de restrição com o intuito de preservar as vidas dos idosos.

No Abrigo São Lucas, localizado na Avenida Doutor Nicanor Barreto, bairro Vale Quem Tem, zona Leste da capital, 58 idosos tiveram suas rotinas transformadas devido à crise sanitária.

Desde os primeiros casos confirmados na cidade, o abrigo restringiu as visitas presenciais de amigos e familiares. Entretanto, Liliane Costa, diretora do Abrigo, conta como a casa tem diminuído o sentimento de solidão. A administração incluiu atividades remotas por meio de visitas virtuais por um aplicativo de videochamada.

Idosos utilizam outros meios para falar com familiares e amigos 

"Disponibilizamos um celular com o número (86) 9966-0017 para Whatsapp. As ligações por chamada de vídeo podem ser feitas de 9h às 11h e das 14h às 15h, tanto familiares como amigos dos idosos", completa Liliane.

A dinâmica de atividades e serviços no São Lucas foi alterada com a limitação de atividades que agora são feitas em duplas ou grupos menores, respeitando as medidas distanciamento.

Para que a organização se mantivesse firme como está hoje, ainda no início da pandemia, o abrigo dividiu em etapas o enfrentamento diário à disseminação do coronavírus. 

"Primeiro foi realizada a comunicação e formação da equipe e logo depois disso, comunicamos aos idosos como seria a transformação da casa. O terceiro passo foi comunicar aos familiares e o quarto foi juntar toda a equipe e fazer uma capacitação com videoaulas, cartilhas para cada funcionário ler e ficar atento ao que de fato precisava ser feito nas questões de monitoramento, isolamento e demais cuidados" explicou a diretora.

O quinto passo foi organizar a rotina da instituição de acolhimento. Para evitar aglomeração, a casa desenvolve ações com os grupos de idosos em dias diferentes.

FOTO: Arquivo Pessoal

Embora o Abrigo São Lucas não tenha registrado casos confirmados ou suspeitos da Covid-19, a instituição vem passando por dificuldades na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) como máscaras, álcool em gel e luvas látex, além de alimentos para os mais de 50 idosos.

Para contribuir e amenizar a situação de necessidade do Abrigo, basta entrar em contato com o telefone 32 313733, ou depositar algum valor para a Fundação Abrigo São Lucas na Conta do Banco do Brasil 27425-9, agência 3507-6. O telefone de contato da administração é (86) 9966-0016.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar