Adutora vai aumentar distribuição de água em 90 mil litros por hora

A previsão para realização da obra é de 60 dias

A Águas de Teresina iniciou a implantação da nova adutora na zona Sul da capital para aumentar a capacidade de distribuição de água tratada. A adutora, que terá extensão de 3,2 km, vai incrementar em 90 mil litros por hora o abastecimento.  Os trabalhos começaram pela Rua D, no Distrito Industrial, para fazer a ligação da Estação de Tratamento de Água (ETA III), ao centro de reservação do Parque Piauí, situado na BR-316.

Durante o período de obras, cujo prazo é de 60 dias, a concessionária contará com o apoio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Teresina (Strans) para orientar os motoristas nas vias onde os trechos serão interditados.

De acordo com Cassiano Andrade, gerente de engenharia da Águas de Teresina, a obra será executada por trechos de forma a minimizar os impactos dos serviços para quem reside ou trabalha nas ruas por onde a vala será aberta.


“É uma importante obra no nosso planejamento para tornar Teresina referência em saneamento básico no Nordeste. Antecipamos a implantação da adutora para que a população tenha um B-R-O Bró melhor do que nos anos anteriores. Investimentos como esse visam acompanhar o crescimento da cidade, com ações de médio e longo prazos, para a garantia do abastecimento com qualidade e regularidade”, frisa o gerente.

Em cinco anos, serão investidos R$ 650 milhões em saneamento básico. Desde que assumiu os serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, a empresa desenvolve ações do plano emergencial de até 180 dias, elaborado com foco no B-R- O Bró. O planejamento compreende intervenções em 30 áreas de Teresina.



Fonte: Portal MN
logomarca do portal meionorte..com