Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Águas do Eixão chegam à Fortaleza no 1º semestre de 2008

Águas do Eixão chegam à Fortaleza no 1º semestre de 2008

Águas do Eixão chegam à Fortaleza no 1º semestre de 2008
Águas do Eixão chegam à Fortaleza no 1º semestre de 2008 | Diário do Nordeste
Compartilhe

As ?guas que v?m do Eix?o (Canal da Integra??o) devem chegar a Fortaleza ainda neste semestre, segundo garantiram ontem o governador Cid Gomes e o ministro da Integra??o Nacional, Geddel Vieira. Depois de uma longa demora, s? agora o governo come?a a estabelecer datas para o antigo projeto de abastecer a Regi?o Metropolitana da Capital com ?guas do Castanh?o. Os dois visitaram ontem as obras deste que j? vem sendo chamado de ?Cintur?o das ?guas?.

De acordo com o diretor geral do Departamento Nacional de Obras contra a Seca (Dnocs), Elias Fernandes, a obra do governo estadual, que custa mais de R$ 1 bilh?o, espera apenas a libera??o da presta??o de contas dos R$ 50 milh?es que foram destinados, em dezembro, pelo Minist?rio da Integra??o, para receber mais verbas. A expectativa de Fernandes ? que sejam liberados mais R$ 50 milh?es.

Projeto

O projeto, que envolve uma extens?o de 255 quil?metros, considerando os canais e adutoras, inclui cinco etapas, sendo que os trechos I (que vai do A?ude Castanh?o at? Morada Nova) e II (do A?ude Curral Velho at? a Serra do F?lix, tamb?m em Morada Nova) j? est?o prontos.

De acordo com Fernandes, o terceiro trecho (da Serra do F?lix ao A?ude Pacajus) est? em fase de constru??o e a quarta etapa (que leva ? Fortaleza, no A?ude Gavi?o) vai para o processo de licita??o. Ainda h? o quinto e ?ltimo trecho, chegando ao Complexo Industrial e Portu?rio do Pec?m.

?Estamos trabalhando para inaugurar esse trecho at? o fim do primeiro semestre. O ministro foi ver as obras e elas dever?o estar prontas, mas isso dependendo do inverno, porque se for forte, reduz um pouco o ritmo das atividades?, garante o governador Cid Gomes.

O ministro Geddel Vieira confirma a previs?o e admite que haver? mais recursos de sua pasta a serem distribu?dos ao Cear?. ?Se n?o existisse [a verba], eu teria que me virar para existir, porque o governador Cid ? quem mais cobra por isso?, declara.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar