Audiência pública na Assembleia discutirá falta de água em Teresina

Requerimento foi apresentado hoje por parlamentares na Alepi.

A falta de água em Teresina e no interior do Estado será debatida pelos deputados estaduais em audiência pública na Assembleia Legislativa em data a ser marcada. Os deputados Robert Rios (PDT), Rubem Martins (PSB), Juliana Moraes Souza (PMDB), Marden Menezes (PSDB) e Gustavo Neiva, líder do PSB, apresentaram hoje (12) requerimento pedindo a realização da audiência na Comissão de Infraestrutura e Política Econômica.

Assembleia Legislativa (Crédito: Alepi)
Assembleia Legislativa (Crédito: Alepi)

Os parlamentares justificam que vários bairros da capital sofrem com a falta de água, que, também, prejudica moradores de um grande número de cidades do interior, como Curimatá, no Sul do Estado. A audiência pública deverá contar com a presença do secretário estadual da Defesa Civil, deputado Hélio Isaias, do presidente da Agespisa (Companhia de Águas e Esgotos do Piauí), Emanuel Bonfim, e do diretor Ítalo Pereira, da empresa Águas de Teresina, que ganhou a subconcessão dos serviços de água e esgotos da capital.

A Assembleia Legislativa aprovou requerimento do deputado Evaldo Gomes (PTC) pedindo que o diretor da Águas de Teresina, Ítalo Pereira, receba uma comissão de parlamentares estaduais visando tratar sobre o plano de ação da empresa para melhoria do abastecimento de água de Teresina.

No espaço destinado ao pequeno expediente da sessão plenária de hoje, os deputados José Hamilton (PP) e Júlio Arcoverde (PP) apresentaram, respectivamente, Projeto de Lei que dispõe sobre a admissão no Piauí de diplomas de cursos de pós-graduação obtidos em universidades dos países do Mercosul e Projeto de Decreto Legislativo que concede título de cidadania piauiense ao Sr. Dioclécio Sousa da Silva.

Fonte: Alepi
logomarca do portal meionorte..com