Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Auxílio emergencial: Governo planeja mais duas parcelas de R$ 300

A proposta do governo precisará passar pelo Congresso Nacional

Compartilhe

O Governo Federal vai propor ao Congresso um valor adicional de R$ 600 por pessoa que já tem direito ao auxílio emergencial. Segundo o blog da jornalista Ana Flor, a preferência do presidente Jair Bolsonaro é que o valor seja dividido em duas parcelas de R$ 300.

O auxílio foi criado em abril, com previsão original de ser pago em três parcelas de R$ 600, até junho. Os beneficiários são trabalhadores informais que ficaram sem renda na pandemia.

Ao discutir as parcelas extras, a equipe econômica trabalhava com a ideia de estender a ajuda a três pagamentos de R$ 200. Segundo uma fonte próxima do presidente, Bolsonaro achou o valor de R$ 200 baixo. Por isso, a ideia de transformar em duas parcelas de valor maior.

Veja também

ver mais de " auxílio emergencial"

A proposta do governo precisará passar pelo Congresso Nacional, onde o tema é sensível. O primeiro auxílio chegou ao Congresso com o valor de R$ 200 reais mensais e, após acordo com o governo, subiu para R$ 600 ao mês. O impacto do auxílio que vem sendo pago é de mais de R$ 150 bilhões nas contas do governo.

LEIA MAIS: Auxílio virou empréstimo? Saiba quem precisa devolver os R$600 em 2021

A Caixa Econômica Federal iniciou nesta quinta-feira (4), o pagamento em dinheiro da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para cerca de 2,7 milhões de trabalhadores nascidos em maio, que se cadastraram pelo site do banco (caixa.gov.br) ou pelo aplicativo Caixa / Auxílio Emergencial. São pessoas que não recebem o Bolsa Família.

Os saques em dinheiro tiveram início em 30 de maio e já foram liberados para nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril — totalizando 10,3 milhões de trabalhadores cadastrados no programa de auxílio. A ordem de saques segue o mês de aniversário dos beneficiários e vai até o dia 13 de junho.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar