Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Brancos apontam arma para família negra

Dupla pagou fiança de US$ 50 mil para aguardar sentença em liberdade.

Brancos apontam arma para família negra
Casal é acusado de agressão armada depois de apontar pistola para mulher negra | Reprodução/Facebook
Compartilhe

Um casal de brancos foi processado criminalmente depois que a mulher foi gravada em vídeo apontando uma arma para uma mulher negra e suas crianças em um estacionamento no estado de Michigan, nos Estados Unidos. Informações do site G1

Jillian Wuestenberg, de 32 anos, e Eric Wuestenberg, de 42 anos, forma presos depois do confronto de quarta-feira (2) e acusados de confronto de maneira criminosa, de acordo com o Jessica Cooper, do ministério público de Oakland.


Eles pagaram fiança de US$ 50 mil para poder aguardar em liberdade. Eles precisaram entregar suas armas de fogo e estão proibidos de ter comportamento abusivo. O casal também não pode deixar o estado de Michigan, segundo o xerife Michael Bouchard.

Não está claro se eles têm advogados.

Os Wuestenbergs devem ir a uma corte para uma audiência no dia 14 de julho.

Um vídeo feito com a câmera de um smartphone mostra o confronto do lado de fora de um restaurante Chipotle, em uma cidade chamada Orion.

Jillian Wuestenberg está do lado de fora, aponta uma arma para uma pessoa e berra para que a interlocutora saia de perto. Ela, eventualmente, volta ao carro, e o marido dirige para longe.

Bouchard disse à imprensa que o casal é da cidade de Independence, e os dois têm licença para usar armas. As armas foram apreendidas.

Takelia Hill, que é negra, relatou ao jornal “The Detroit News”. Jillian esbarrou em uma das filhas de Hill, uma menina adolescente, no estacionamento do restaurante.

O vídeo começa depois disso. Jillian Wuestenberg discute com Takelia e suas filhas.

Wuestenberg entra no carro, baixa os vidros e diz: “Pessoas brancas não são racistas, eu me preocupo por você”, antes do veículo se afastar.

O marido dela se vira para a câmera do smartphone e diz: “Quem vocês pensam que são?”.

Então, quando alguém está do lado de fora do veículo, Jillian Wuestenberg sai do carro e aponta uma arma.

No vídeo é possível ouvir ela dizendo para ela se afastar e não ir atrás do carro, enquanto Hill fala para alguém chamar a polícia e pegar a placa do carro. A discussão continua e a mulher segue com a arma apontada para ela por cerca de 40 segundos antes de entrar no carro e vai embora.



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar