Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Cabo Raimundo Alves é sepultado em cemitério na zona Sudeste de THE

Ele foi executado por volta das 5h de domingo (01/03), na porta de sua residência no Conjunto Novo Horizonte, na zona Sudeste da capital.

Compartilhe

O cabo da Polícia Militar do Piauí, Raimundo Alves de Oliveira foi sepultado na manhã desta segunda-feira (02/03), no cemitério Alto da Ressurreição. Ele foi executado por volta das 5h de domingo (01/03), na porta de sua residência no Conjunto Novo Horizonte, na zona Sudeste da capital.

Ao som da banda musical da Polícia Militar do Piauí, dezenas de amigos, familiares e colegas de profissão acompanharam a cerimônia de sepultamento e homenagearam o militar. 

Em entrevista a Rede Meio Norte coronel Sá Junior da PM, afirmou que o cabo Raimundo Alves estava concluindo o curso de sargento e estava muito orgulhoso da nova etapa que estava iniciando na PM, a formação em sargento seria em abril deste ano. 



“Infelizmente nós perdemos um combatente que estava sob o meu comando, fazendo o curso de formação de sargentos, agora dia 08 de abril já é a formatura, nós já estamos finalizando o curso, já preparando a festa. O Oliveira sempre nos dizia que essa etapa dele, ele estava muito orgulhoso de estar conseguindo na Polícia Militar.” disse o coronel.

Emocionado o coronel Sá Junior afirmou que a PM deu a pronta-resposta aos criminosos que executaram o cabo e garantiu que essa situação só motiva os policiais a continuar combatendo a criminalidade na capital.

 “Ele teve a sua vida ceifada covardemente, mas a instituição Polícia Militar, a sociedade piauiense, porque nós somos a sociedade, nós somos oriundos das sociedades, deu a pronta-resposta a essas pessoas nocivas que não quiseram atender ao chamado da nossa corporação para que se entregasse e pagasse na cadeia pelo crime bárbaro que cometeram, na frente da família, na frente da filha adoentada, na frente de sua casa, nas primeiras horas da manhã. Isso só nos fortalece, só nos motiva a continuarmos combatendo essa criminalidade.”, declarou Sá Júnior.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar